A Tunísia, mais concretamente a cidade de Sousse, está a ser, durante esta tarde de sexta-feira, dia 26, alvo de um ataque terrorista. Vários turistas que se encontram no local estão a relatar através das redes sociais todo o desenvolvimento e como todo este ataque está a ser processado. Através da imagem deste artigo podemos ver uma foto que foi tirada no local por um turista e que mostra toda a tensão presente entre as pessoas que estão a passar férias na Tunísia.

Ao que tudo indica, dois hotéis foram invadidos por terroristas, não havendo um número oficial de vítimas até o momento. No entanto, já foi divulgado por estações televisivas que pelo menos sete turistas terão perdido a vida nestes hotéis e nas suas respetivas praias.

Publicidade
Publicidade

Outros canais afirmam que o número de vítimas já aumentou para 13, sendo que a situação se encontra fora de controlo. Já desde Março que a Tunísia tem sido alvo de problemas com alertas terroristas, com destaque para o ataque islamita ao Museu Barco, em Tunes, que teve como vítimas diversos turistas na capital do país.

Segundo o que alguns turistas britânicos que estavam hospedados nos respetivos hotéis contaram, um barulho repentino fez-se sentir no local como se fossem armas automáticas. Além disso, referiram que uma grande multidão de pessoas começou a exaltar-se e a correr de um lado para outro, chorando e sem saber o que fazer. Gary Pines, outro turista que se encontrava no local, avançou que o seu filho, que estava na piscina quando começou a correr em direção ao hotel, terá visto uma pessoa a ser baleada várias vezes.

Publicidade

Até ao momento ainda não foram divulgadas mais informações. Contudo, vários turistas que não têm forma de ser socorridos ou de sair do local continuam a publicar diversas fotografias no Twitter e no Facebook, dando a conhecer a situação que se está a viver nesta zona turística da Tunísia que, certamente, não voltará a ser a mesma após este ataque violentíssimo. A imagem de um país seguro e com boas atrações turísticas será afetada drasticamente aquando destes acontecimentos. #Terrorismo