“Impressionante, são de Portugal”, gritam os locais na chegada de dezenas de bombeiros portugueses à região de Moraleja, pertencente à província da Estremadura. Um #Incêndio de grandes proporções tem vindo a lavrar na floresta local há mais de três dias e, neste momento, o fogo ainda não está controlado. O incêndio já consumiu mais de 6 mil hectares de floresta e foram destacados cerca de uma centena de #Bombeiros nacionais, segundo noticia hoje o “Jornal de Noticias”. A chegada dos veículos portugueses foi assinalada, pelos espanhóis, com uma grande ovação.

No vídeo publicado há poucas horas nas redes sociais, é possível ouvir vários espanhóis a agradecer e a aplaudir a chegada dos bombeiros portugueses a Moraleja.

Publicidade
Publicidade

Recebidos como autênticos heróis, esta centena de bombeiros portugueses vem ajudar os espanhóis, que têm tido dificuldades em controlar um incêndio que se expande há mais de três dias e que já obrigou cerca de 2 mil habitantes a abandonarem as suas casas, tendo destruído mais de seis mil hectares de mato.

“Obrigado”, é a palavra mais usada na recepção aos heróis portugueses. Para além do enorme apoio dado pelos locais, alguns revelam mesmo espanto por verem veículos portugueses, mostrando perplexidade pela ajuda inesperada dos bombeiros nacionais, revela o “Jornal de Noticiais”. “São de Portugal? Impressionante, muito ânimo para apagar o fogo. Obrigado”, ouve-se no vídeo que já é completamente viral, com mais de 200 mil visualizações em poucas horas.

Nas redes sociais, muitos portugueses aplaudem a recepção acalorada por parte dos espanhóis que, ao contrário do que acontece em Portugal, segundo estes, dão muito valor ao trabalho heróico dos seus bombeiros, bem como dos estrangeiros que vêm ajudar.

Publicidade

O incêndio ainda não esta completamente controlado mas com a ajuda preciosa de mais de 100 bombeiros nacionais, bem como de 30 veículos, este deverá acabar por ser controlado muito mais rapidamente. E é precisamente essa preciosa ajuda que os espanhóis tanto agradeceram a Portugal e aos seus bombeiros destacados para combater um incêndio numa localidade espanhola.