Uma família estava a caminho do seu destino de férias na Riveira francesa, no domingo passado, quando resolveu parar numa estação de serviço na chamada auto-estrada do Sol, no sul de França. Cerca de uma hora após o casal ter retomado o seu caminho foi emitido um alerta na rádio que referia que uma criança de três anos tinha sido encontrada numa área de serviço situada no mesmo local onde tinham parado. Foi então que os pais olharam para o banco de trás e se aperceberam de que a criança mencionada era a sua filha mais nova, de três anos. O casal havia retomado o seu caminho, esquecendo-se da menina no local.

Após se terem apercebido da situação, e antes de inverterem a marcha do carro, a família contactou a polícia de modo a notificar as autoridades de que eles eram os pais da menina encontrada e que se encontravam a caminho para a ir buscar.

Publicidade
Publicidade

De acordo com o Público, um dos elementos da polícia francesa referiu que o carro do casal já tinha passado Aix-en-Provence e que se dirigiam para Saint-Raphaël. Durante os 150 quilómetros que se seguiram à paragem, nenhum dos elementos da família deu pela falta da criança.

A menina foi encontrada por outros turistas que pararam nessa mesma área de serviço, passava pouco da hora de almoço. O Jornal de Notícias refere que a criança apenas conseguiu dizer que tinha mais dois irmãos e que o carro do seu pai se tinha ido embora quando ela estava a caminho da costa. A polícia recebeu o alerta para este caso por volta das 14h15 (13h15 em Portugal).

Os pais conduziram até à esquadra onde a menina estava e após a sua chegada ainda ficaram mais um pouco para um interrogatório. O elemento da polícia referido anteriormente revelou que o o procurador de Valence será notificado do sucedido por forma a saber que rumo irá este caso tomar.

Publicidade

Se a viagem de carro antes da paragem foi atribulada para esta família, não se sabe ao certo. No entanto, de acordo com o The Guardian, são milhões as famílias francesas que percorrem as estradas neste mês, colocando uma pressão que chega a ser insuportável, não só para o sistema de auto-estradas de França, mas também aos seus próprios nervos. Os destinos normalmente escolhidos pelos turistas franceses dentro do seu próprio país remetem em maioria para o mar ou para as montanhas. #Insólito