Jamie, um jovem irlandês, contou ao “Humans of Dublin”, na passada segunda-feira, dia 3 de Agosto, uma história que está a emocionar a Irlanda, mas também o mundo. Na publicação, que já conta com mais de 35 mil gostos, Jamie conta como conseguiu que um americano não saltasse de uma ponte, usando somente o poder das palavras. “Apenas lhe perguntei se estava bem”, confessou o jovem. Estas três palavras mudaram o destino do homem que estava prestes a suicidar-se e que conversou durante quase uma hora com Jamie.

O poder das palavras revelou ser crucial para que um homem “nos seus trintas”, tal como diz o jovem, não se suicidasse, atirando-se de uma ponte.

Publicidade
Publicidade

Segundo avança o “The Mirror”, Jamie estaria de passagem quando se apercebeu de que algo estava errado: viu um homem sentado nos limites de uma ponte. Rapidamente, o irlandês questionou o desconhecido se tudo estaria bem, levando a que este chorasse copiosamente.

“Eu percebi que algo estava errado, consegui perceber nos olhos dele. Sentei-me ao lado dele e falamos durante cerca de 45 minutos. Por fim, consegui que ele chamasse uma ambulância para o ir buscar. Passados uns três meses, o mesmo homem confessou ao jovem que, em sua homenagem, iria dar o seu nome ao seu filho, pois teriam sido aquelas três palavras mágicas que lhe salvaram a vida”, confessou Jamie na publicação do Facebook publicada há dois dias na página “Humans in Dublin”, que já conta com centenas de partilhas e mais de 35 mil gostos.

Publicidade

O herói improvável tornou-se uma fonte de inspiração para milhares de irlandeses e não só. A notícia já foi publicada no “The Mirror”, fazendo com que esta história possa inspirar mais pessoas, levando a que estes tenham mais atenção ao próximo e que nunca se esqueçam da importância e do impacto que poucas e simples palavras podem fazer no dia de um desconhecido. Como muitos internautas afirmam na publicação, Jamie deu a mão a alguém desesperado, conseguindo assim salvá-lo, mas muitos não tiveram essa sorte e morrem com a sensação de que nunca ninguém esteve ao seu lado. #Causas #Redes Sociais