Já era noite em Santiago do Chile, esta quarta-feira, dia 16, quando a terra começou a tremer com um violento sismo. A elevada intensidade com que foi sentido colocou em alerta as ilhas do Pacífico para a eventualidade de um tsunami. Até ao momento estão confirmados oito mortos e mais de um milhão de deslocados, sendo que há ainda um número não definido de desaparecidos. Este sismo acontece cinco anos depois de um outro que tirou a vida a centenas de pessoas.

Eram 19h54 no Chile, mais quatro horas em Portugal Continental, quando a terra sacudiu. O tremor que inicialmente foi anunciado de intensidade 7.9 foi depois revisto para 8.3 na escala de Richter, de acordo com o Serviço Geológico dos Estados Unidos.

Publicidade
Publicidade

Aconteceu no mar, a 11 km de profundidade e a 71 km de terra. O tremor foi sentido ainda na capital da Argentina e na ilha de Páscoa, que ficam localizadas a alguns quilómetros de distância do epicentro.

O alerta de tsunami foi lançado de imediato e estendeu-se desde a Califórnia até à Nova Zelândia, incluindo todas as ilhas do Pacífico, todavia o alerta já foi levantado. Desde esse momento que mais de um milhão de pessoas se deslocaram das suas residências. Já foram registadas mais de 50 réplicas, onze delas com uma intensidade superior a quatro, algumas a rondar os seis e outras mais baixas.

Até ao momento estão confirmados oito mortos, sendo que há ainda um número não definido de desaparecidos. A rede social Facebook está também a tentar facilitar o contato com os desaparecidos, depois de ter ativado uma ferramenta que permite encontrar os seus utilizadores no Chile, funcionalidade esta desenvolvida depois do violento sismo do Nepal.

Assim, entre os apelos da rede social podem ler-se mensagens como, “avisa os teus amigos que te encontras fora de perigo.

Publicidade

Confirma que estás bem para que recebam uma notificação”, ou então, “Procura e liga-te rapidamente aos amigos que estejam na zona. Confirma que estão bem, procura saber que se encontram fora de perigo”, escreve o Correio da Manhã.

Em Fevereiro de 2010 um violento sismo de intensidade 8.8 tirou a vida a centenas de pessoas. #Natureza #Catástrofes Naturais