Um avião da companhia aérea Tara Air partiu de Pokhara para Jomsom, esta manhã (quarta-feira, 24). Ao atravessar a zona montanhosa do Nepal, deixou de contactar com a base aérea, sendo dado como desaparecido. O porta-voz da companhia Tara Air, responsável pelo avião, Bhim Raj Rai, informou a agência que "um avião que descolou de Pokhara com destino a Jomsom esta manhã está fora de contacto". O avião transportava cerca de 23 pessoas: 20 passageiros e três tripulantes, anunciou a agência France Press. 

O Ministro da Aviação do Nepal informou a mesma agência noticiosa, durante a manhã, que os destroços deste mesmo avião teriam sido encontrados, em Solighopte, perto do local onde foi dado o seu #Desaparecimento.

Publicidade
Publicidade

Não há relato de nenhum sobrevivente. Aananda Prasad Pokharel informou que "os destroços do avião foram descobertos completamente queimados em Solighopte, no distrito de Myagdi. Era possível ver os cadáveres espalhados por todo aquele local". Uma fonte policial declarou à Agência Reuters que o avião "ficou desfeito, não havendo, infelizmente, sobreviventes"

Inicialmente, contava-se 21 desaparecidos. Contudo, após os destroços do avião terem sido encontrados, este número foi atualizado e aumentado para 23. Entre os passageiros estavam cidadãos chineses e do Kuwait.

As causas que levaram à queda e destruição do avião são ainda desconhecidas, sendo a causa apontada uma falha no sistema associada às más e complicadas condições meteorológicas. Durante toda a madrugada, um forte nevoeiro fez-se sentir na região de Mustang, perto de Jomsom, que era o destino final do avião. 

Já no ano de 2014, na mesma zona, um outro avião se despenhou, tendo morto cerca de 18 pessoas.

Publicidade

Em 2011, um avião despenhou-se "no monte Kotdada, a 10 quilómetros de Katmandu, quando regressava à capital do Nepal, depois de uma visita turística aos Himalaias", declarou Bimesh Lal Karna, Director do Departamento de Emergência do aeroporto internacional de Tribhuwan, em Katmandu. Nesse mesmo incidente, foram encontrados 19 cadáveres e 1 sobrevivente, que não resistiu aos ferimentos, tendo falecido já no Hospital. 

O ano de 2016 iniciou-se com desastres aéreos, tal como em anos anteriores. Em Janeiro deste ano, um avião foi forçado a aterrar de emergência por os seus passageiros começarem a desmaiar, sem motivo aparante. Contudo, ainda este mês, esta área viu surgirem grandes avanços tecnológicos, nomeadamente, com a construção do protótipo "Antípode"#Acidente de Aviação