Os dados da investigação demonstram que a causa da morte dos elementos da banda britânica Viola Beach poderá ter sido originada pelo embate com o petroleiro no momento em que o veículo onde seguiam caiu da ponte. Estes dados agora divulgados contrariam a tese inicial de que teria sido a queda abrupta da ponte, da altura de 25 metros, que teria provocado a morte dos músicos. Note-se que estes são os primeiros dados da investigação a ser divulgados pela polícia sueca, segundo o canal sueco de televisão "SVT", desde o passado dia 13 de Fevereiro, data em que o acidente ocorreu.

Esta tese explica em parte o estado de destruição em que ficou a viatura após o #Acidente.

Publicidade
Publicidade

Se estes dados agora divulgados estão de acordo com o que sucedeu, a viatura, ao cair da ponte móvel (que se encontrava aberta para a travessia do petroleiro em causa), terá embatido no petroleiro no exacto momento em que este passava no local.

A companhia detentora do petroleiro, a "Sirius Shipping", afirmou, segundo o jornal "Telegraph", que ninguém no navio terá dado pelo sucedido devido à largura do próprio petroleiro. Aliás, a própria tripulação do petroleiro apenas teve conhecimento do sucedido pelas notícias divulgadas na imprensa no dia seguinte, segundo afirmou o representante da companhia "Sirius Shipping", Daniel Backman. No momento em que a tragédia aconteceu, a tripulação deverá ter confundido a viatura que acabara de cair da ponte com um eventual aglomerado de neve.

Foi ainda divulgado pela polícia sueca através do site de internet "Aftonbladet", na pessoa do inspector Martin Bergholm, que os ocupantes da viatura "não se terão apercebido que a ponte teria sido aberta pois, segundo testemunhas no local, não existiam luzes de travagem".

Publicidade

Recorde-se que a banda de indie pop Viola Beach era formada por quatro amigos de Warrington, Cheshire, Inglaterra e se tinha formado há um par de anos, em 2013. Tinham idades entre os 19 e os 27 anos. Na viatura seguia também o manager da banda, de 32 anos de idade. Com um início recente no meio musical, estavam na Suécia para o seu primeiro concerto internacional, que ocorreu na noite anterior ao acidente em Norrköping. #Música