Uma criança de 12 anos e cinco adultos foram encontrados mortos no interior da casa onde habitavam. A #Polícia foi chamada a averiguar depois de uma das vítimas ter faltado ao trabalho durante dois dias sem avisar. Segundo as autoridades, os corpos estavam amarrados e com sinais de terem sido esfaqueados. O achado horrendo aconteceu nesta quinta-feira, dia 4 de Fevereiro, numa residência em Gage Park, Chicago, e deixou os vizinhos em estado de choque. A polícia está a investigar o caso.

Estranhando a ausência de um colega de trabalho durante alguns dias, e sem conseguir contactá-lo, um homem alertou a Polícia para averiguar a situação.

Publicidade
Publicidade

Quando os polícias se deslocaram, cerca das 13 horas locais, ao 5700 Block of South California Avenue, avistaram no interior da habitação o que parecia ser um corpo caído no chão. Depois de entrarem na casa encontraram um casal de idosos, o filho, a filha e dois netos, um deles uma criança de 12 anos, mortos. Os corpos estavam em várias divisões da residência. Uma descoberta tão macabra que os próprios agentes da polícia ficaram em choque, afirmando que nunca viram uma coisa semelhante.

O responsável pela Polícia local, John Escalante, disse à imprensa que tinha sido montada uma operação de investigação para recolher o máximo de indícios de prova possíveis que pudessem esclarecer o sucedido.Foi também criada uma vasta área de protecção, embora Escalante tenha dito que acreditava não haver qualquer perigo para a comunidade, referindo que a situação terá sido circunscrita àquela habitação.

Publicidade

O polícia disse ainda que não havia suspeitas de se ter tratado de um homicídio seguido de suicídio, mas qualquer cenário estava em aberto.

Segundo relata o jornal Chicago Tribune, o caso deixou em choque os moradores daquela zona residencial próxima da “Gage Park High School” , dando como exemplo o caso de uma vizinha que chorava na varanda da sua casa, até porque uma das vítimas era seu amigo. Outra moradora, citada pelo mesmo jornal, dava conta que habita naquele bairro há mais de 20 anos e garante que é uma zona calma, nunca tendo assistido a qualquer problema. #Crime