Anne Frances Robbins – nome que fora alterado pelo seu padrasto, para o nome pelo qual a conhecemos actualmente - deu os seus primeiros passos no mundo da fama como actriz, tendo tido, inclusive, um romance com o actor Clark Gable. Porém, foi como mulher de Ronald Reagan, então presidente da Associação do Sindicato de Actores (SAG), que se destacou. Nancy não foi a primeira esposa de Reagan, tendo sido a actriz Maureen Reagan, com teve dois filhos, mas foi a mulher que o acompanhou nas actividades políticas e, principalmente, nos últimos 10 anos da sua vida quando lhe foi diagnosticado Alzheimer.

Durante os dois mandatos de Reagan, Nancy foi voz activa da sociedade norte-americana e lançou a celebre campanha contra o consumo de drogas “Just Say No” em 1982.

Publicidade
Publicidade

Foi também o braço-direito do seu marido nas decisões políticas, demonstrando-se muito protectora de Ronald. Tal como outras primeiras-damas norte-americanas, distinguiu-se como símbolo de moda e pelo seu gosto caro. No início do mandato de Ronald Reagan, Nancy foi criticada pela escolha milionária em relação à compra do serviço de porcelana importado da China, que é habitual ao longo dos anos cada presidente escolher para utilizar nas refeições da Casa Branca.

Após o falecimento do ex-Presidente republicano, Nancy Reagan continuou a participar em actividades políticas e dedicou-se à investigação sobre células estaminais na busca da cura do Alzheimer, pedindo ajuda financeira federal ao Presidente dos Estados Unidos da América da época, George W. Bush. A sua posição política passou a ser considerada, para muitos, como democrata.

Publicidade

A saúde da antiga primeira-dama norte-americana já se apresentava debilitada. As condolências têm chegado desde de personalidades de Hollywood e da política. Nancy Reagan morreu ontem, dia 6 de março, em sua casa, no luxuoso bairro de Bel-Air, Los Angeles, no estado da Califórnia, aos 94 anos, vítima de insuficiência cardíaca. Será enterrada junto ao seu marido na Biblioteca Presidencial Ronald Reagan. #Famosos #Política Internacional #EUA