Melania Knauss-Trump é a esposa do novo Presidente do Estados Unidos da América, #Donald Trump, sendo portanto a 47.ª primeira-dama do país. Nascida na cidade de Novo Mesto, na Eslovénia (na altura República Socialista da Jugoslávia), a modelo iniciou a sua atividade no mundo da moda com apenas 16 anos.

A nova primeira-dama conheceu Donald Trump em 1999, num evento de moda, enquanto trabalhava como modelo para a revista Allure. Começou a ficar conhecida quando Trump foi ao programa de Howard Stern e enfatiza a sua vida amorosa. Em 2000, Melania posou nua para a revista GQ, no número de janeiro. Foi também capa da revista de moda Vogue e também posou para revistas como Vanity Fair e Elle. No ano de 2001 entrou no filme Zoolander.

O seu relacionamento com Donald Trump foi destaque no reality show "The Apprentice". Em 2004, os dois ficariam noivos e o casamento viria a realizar-se em Palm Beach, na Florida, em 2005. Na cerimónia, Melania usou um vestido Christian Dior no valor de 200 000 dólares. A 20 de março de 2006, o casal teve um menino chamado Barron William Trump.

Melania fala vários idiomas: para além do seu esloveno, fala também sérvio, inglês, francês e alemão fluentemente.

#Melania Trump, quando foi apresentada como futura primeira-dama dos #EUA, na Convenção Nacional Republicana, foi acusada de plagiar o discurso que Michelle Obama proferiu 8 anos antes, quando Barack Obama a apresentou como futura primeira-dama. Contudo, a campanha de Trump considerou a acusação de plágio um "verdadeiro absurdo" e afirmou que Melania "Fez um trabalho fantástico, foi ela que veio e nos disse que queria falar. É uma pessoa que não está acostumada a falar em público. Queria que os cidadãos vissem uma parte de Trump que não conhecem, porque pensa que é importante que entendam o seu lado humano".

A ex-modelo eslovena disse as frases polémicas ao narrar a sua infância na antiga Jugoslávia. "Desde muito jovem, meus pais me incutiram os valores de que se trabalha duro pelo que se quer na vida, que a sua palavra é sagrada e que se deve cumprir o que se promete, de que se tratam as pessoas com respeito".