Tal como já tem vindo a acontecer em museus europeus e americanos, também dois festivais de música internacionais proibiram a entrada de selfie sticks nos recintos. Em causa está o facto de os objectos serem considerados potencialmente perigosos e apontados por alguns como sendo algo irritantes. Os selfie sticks são extensores usados nas máquinas fotográficas ou telemóveis que permitem aos proprietários tirar uma selfie à distância e com uma maior amplitude.

O uso deste material é uma "praga" que tem vindo a aumentar e, a pensar dessa forte expansão, os festivais Coachella, na Califórnia, e o Lollapalooza, em Chicago, já acrescentaram na lista dos materiais proibidos este equipamento.

Publicidade
Publicidade

Em causa estão não só as questões de segurança relacionadas com os selfie sticks, mas também o facto de que, quando usados durante um festival, podem estragar parte da visibilidade do espectáculo a outras pessoas que estejam presentes no evento.

Tirar fotografias faz parte de toda a experiência vivida nos festivais de verão, porém o uso do braço é o recurso alternativo ao qual os amantes dos festivais terão que recorrer. Um pouco por toda a Europa, vários museus colocaram os selfie sticks na lista de materiais proibidos. Entre uma lista de vários, encontram-se nomes como o Palácio de Versailles e a National Gallery de Londres. Já nos Estados Unidos da América a iniciativa também teve adesão de vários museus, entre eles o Museum of Modern Art (MOMA), em Nova Iorque, o Met, a National Gallery, em Washington, o Getty Center, em Los Angeles, e o Museum of Contemporary Art, em Chicago.

Publicidade

Também no Reino Unido, onde vários museus aderiram a esta proibição, o British Museum pondera fazer uma revisão nos critérios de segurança para considerar se permite ou não a entrada destes objectos nas instalações.

Relativamente aos festivais, prevê-se que estes sejam apenas os dois primeiros de um vasto leque que pode vir aderir à iniciativa. Tal como aconteceu com os museus, a tendência é para a proibir a entrada de selfie sticks nos recintos. #Smartphones