No próximo fim-de-semana, de 22 e 24 de Maio, o concelho de Abrantes, mais propriamente o Rossio ao Sul do Tejo, vai voltar a encher-se de juventude e cor. O agrupamento 697 do CNE - Corpo Nacional de Escutas organiza uma vez mais a tradicional "Escapadinha dos Mourões", que já vai na 12ª edição.

A escapadinha insere-se nas comemorações dos aniversários da freguesia do Rossio, que já leva 176 anos, integrada agora na União das freguesias de S. Miguel de Rio Torto e Rossio ao Sul do Tejo, assim como o aniversário do agrupamento 697, que já conta com 32 anos a caminhar com a Flor-de-Lis ao peito. Como habitual, cada edição tem um tema ou imaginário diferente.

Publicidade
Publicidade

Este ano o tema do acampamento é "Rossio e seus tendeiros".

Nas várias actividades que se irão desenvolver ao longo do fim-de-semana, os jovens escutas irão conhecer um pouco mais a fundo as histórias e lendas que envolvem os habitantes do Rossio, que têm como actividade profissional o comércio ambulante. Dessa forma, são conhecidos por tendeiros ou por "quinquilheiros", dado que inicialmente os mesmos se dedicavam principalmente ao comércio de quinquilharia.

Das várias histórias ou lendas que giram à volta dos "quinquilheiros", há uma que merece especial destaque por tão incrível e fascinante que é. Trata-se da história que se conta do "Ti'Diogo dos Cães", que irá ser o personagem central deste acampamento. Este tendeiro era conhecido por muitas razões, no entanto, a que mais destaque parece merecer é o facto de ser bastante conhecido entre os caçadores, por ser um excelente batedor e por vender cães de caça.

Publicidade

Mas o caricato da questão é que o mesmo nem sequer era criador de cães. Ele, entre outras coisas, chegava a vender o mesmo cão ao mesmo caçador mais de uma vez.

É esta e outras histórias que os jovens escutas irão descobrir na Escapadinha, que este ano já atingiu mais um recorde de inscritos (26 agrupamentos), tanto na primeira secção, os Lobitos (257 inscritos), como na segunda secção, os Exploradores (301 inscritos). Os agrupamentos que estarão presentes vão representar as regiões de Lamego, Lisboa, Porto, Portalegre/Castelo Branco e Santarém.

De destacar que os Lobitos são os jovens entre os seis e os onze anos, que, após a sua promessa, passam a usar ao pescoço ao lenço amarelo debruado a branco. A sua secção denomina-se por alcateia e estão organizados em bandos, que se designam por cores. Os Exploradores, por sua vez, são os jovens entre os onze e os catorze anos que, após a sua promessa, passam a usar ao pescoço o lenço verde debruado a branco. A sua secção denomina-se de grupo e estão organizados por patrulhas, as quais têm nomes de animais.

Publicidade

Das várias actividades há que referir que as mesmas vão ser comuns às duas secções, embora com as devidas adaptações pedagógicas tendo em conta as idades. Assim sendo destacam-se:

- Raid "Varino Arrojado" - que se irá desenrolar pela freguesia do Rossio ao Sul do Tejo, sendo que ao longo dos vários postos os escutas terão de desenvolver várias tarefas, assim como participar em diversos jogos.

- Jogo de Cidade "P'ra cá da pala!" - que tem como objectivo conhecer e/ou reconhecer os espaços existentes no Rossio, assim como aprender um pouco sobre a sua história.

- "Acção e Fogo" - esta actividade é practicamente o habitual Fogo de Conselho, que normalmente se desenvolve à volta de uma fogueira ou de uma chama, em que os elementos participam com várias animações, que vão desde o jogo à cantiga, passando por pequenas encenações mais ou menos teatralizadas, sempre à volta do tema do imaginário do acampamento.

Há ainda a destacar a Eucaristia e a Foto de Família, normalmente na Rotunda do Rossio, com todos os participantes da "Escapadinha dos Mourões". #Entretenimento #Natureza