A 28.ª edição da maior Feira Internacional de #Turismo já chegou. A Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL) arrancou no dia 2 de Março e irá prolongar-se até ao próximo domingo, dia 6, na Feira Internacional de Lisboa (FIL), no Parque das Nações. Num recinto com 32 mil metros quadrados de espaço, divididos em três pavilhões com cerca de 1100 expositores, são esperados este ano mais de 75 mil visitantes, durante os cinco dias de Feira.

Nos dias 2 e 3 de Março, a BTL apenas foi visitada por profissionais do sector. A partir desta sexta-feira, 4 de Março, e até ao seu encerramento, está aberta para o público em geral poder espreitar as oportunidades, numa feira de referência para o mercado português. Recheada de novos desafios e propostas, a BTL é uma oportunidade única para os profissionais da área potenciarem novos contactos e promoverem novos negócios. É também uma excelente ocasião para angariar novos clientes e conhecer as ofertas e estratégias da concorrência. Para o público em geral é muito mais do que uma plataforma de negócio, uma vez que a feira é também um espaço de animação turística onde não falta a música e a gastronomia característica do país.

Se a edição do ano passado surpreendeu pelo elevado número de visitantes, este ano prevêem-se números recorde, a avaliar pelas expectativas da organização, divulgadas na página oficial da BTL. O preço dos bilhetes varia entre os dois euros e meio e os dez euros, sendo que as crianças até aos dez anos têm entrada gratuita no recinto. O programa para os cinco dias de feira conta com inúmeros eventos de animação, sendo que o mercado do turismo é o mote para uma série de animações, campanhas, degustações, ofertas, passatempos, mostras, provas, apresentações, sorteios, debates e encontros.

Quanto aos cerca de 1100 expositores presentes no recinto, estes ajudam na divulgação das principais empresas e entidades ligadas ao sector do turismo. De entre uma extensa lista das instituições representadas na BTL, destacam-se a TAP, a Agência Abreu, a Azores Airlines, a Booking Travel, a Douroazul, a EGEAC, a Fundação Inatel, a Google, os Hotéis Vila Galé, o Hotel Mundial, a MSC Cruzeiros ou os Hotéis e Apartamentos Pestana.

Apesar de a feira ser uma grande oportunidade para captar atenções para as grandes empresas de aviação, agências de viagens ou hotéis, a BTL revelou-se também um bom momento para os próprios municípios promoverem a sua história, cultura, gastronomia e o turismo, um pouco por todo o país. Lisboa, Arquipélago dos Açores e da Madeira, Algarve e as principais cidades alentejanas, como Marvão, Portalegre, Reguengos de Monsaraz, Moura ou Serpa são as zonas geográficas de Portugal em destaque nesta 28.ª edição da BTL. #Exposições