Uma criança de 9 anos de idade foi atirada da varanda de um segundo andar para a via pública, por um homem que estava a agredir a sua mãe. O caso aconteceu na manhã desta quarta-feira, 1 de Fevereiro, em Marvila (Lisboa). O suspeito, de 39 anos, foi impedido de fugir pelos vizinhos até à chegada dos agentes da Polícia de Segurança Pública. Mãe e filho foram socorridos e transportados ao hospital. A situação está a ser investigada pelas autoridades policiais.

Segundo o Comando Metropolitano de Lisboa da Polícia de Segurança Pública (PSP) tudo aconteceu poucos minutos antes das 8 horas desta quarta-feira, 1 de Fevereiro, quando o pai da criança, e marido da mulher, saiu de casa para mais um dia de trabalho. O homem terá sido abordado por um indivíduo, que momentos antes foi visto por algumas testemunhas a tomar o pequeno-almoço num estabelecimento das redondezas, que lhe questionou se ali residia uma determinada pessoa, tendo recebido uma resposta negativa. Contudo, o indivíduo acabaria por tocar à campainha da residência daquele. Quando a mulher abriu a porta, terá sido imediatamente agredida pelo visitante e arrastada para o interior da habitação.

Perante a situação, o menor foi ao socorro da mãe, impedindo que o agressor continuasse os seus intentos. Também o pai da criança ao aperceber-se do que estava a acontecer, regressou à residência para acudir o filho e companheira. No entanto, o agressor ao sentir a aproximação do homem, acabou por lançar a criança para a via pública, através da varanda, de uma altura de cerca de oito metros.

O alerta foi dado pelos vizinhos que impediram que o alegado agressor se colocasse em fuga. Quando os agentes da polícia chegaram ao local, procedeu à detenção do indivíduo, que será presente ao juiz de instrução criminal para ser interrogado. A criança, que estava consciente, foi assistida pelos meios de socorro, acabando por ser transportada para o Hospital de Santa Maria, assim como a mãe, que sofreu ferimentos na face, tendo ficado hospitalizada para observações. #Crime