O serviço de urgência de Ginecologia e Obstetrícia de Caldas da Rainha está fechado até dia 2 de Setembro, às 9 da manhã. A decisão foi comunicada pela administração do Centro Hospitalar Oeste Norte. Este encerramento temporário deve-se à falta de recursos humanos, pelo facto de alguns médicos se encontrarem de férias e dois outros de baixa médica. As utentes do serviço são transferidas para o Centro Hospitalar Lisboa Norte, do qual fazem parte o Hospital de Santa Maria e o Hospital Pulido Valente.

A administração do Centro Hospitalar acrescenta que a decisão foi tomada a bem da segurança dos pacientes e da qualidade do serviço.

Publicidade
Publicidade

Além disso, tanto a maternidade como as consultas agendadas e os internamentos se mantêm sem alteração.

A decisão é sem dúvida importante, pois é naturalmente preferível fechar um serviço do que mantê-lo aberto sem condições para tal. Os utentes e os contribuintes poderão perguntar-se, depois de ter sido encerrado o serviço de maternidade, ginecologia e obstetrícia do hospital de Torres Vedras, por que motivo são ainda insuficientes os médicos ao ponto de não ser possível a coordenação de férias sem que o serviço seja posto em causa.

Os utentes e contribuintes devem também espalhar a notícia, para evitar que as pacientes que optem por se dirigir ao hospital de Caldas da Rainha por meios próprios o façam - especialmente as que vivem a sul de Caldas, pois estarão a andar para trás em relação ao seu destino final.

Publicidade

Chamem uma ambulância que saiba qual o destino (Santa Maria ou Pulido Valente) e as leve directamente para lá.

Um alerta também para os fetos que estejam a pensar abandonar o conforto dos seus úteros nos próximos dias. Tentai aguardar um pouco até que o serviço de Caldas esteja reaberto, para evitardes que a vossa primeira viagem seja mais longa. E embora o nascimento em viagem seja mais habitual hoje em dia - há até um compatriota vosso que nasceu num helicóptero da Força Aérea, sobre o Oceano Atlântico, entre duas ilhas açoreanas - se tiverdes a possibilidade de esperar mais um bocadinho, façam isso, a bem do vosso descanso, das vossas mães e famílias.