Em 11 de Julho de 2014, noticiou-se no jornal Record de que o campeonato português poderia estar em risco por falta de verba ou patrocinadores. É do nosso conhecimento de que o dinheiro sempre faltou para área de saúde, educação, emprego, etc., mas futebol agora com falta de patrocínio?! Estão a querer brincar com quem? Nesse caso a Liga fica à espera das apostas on-line para salvar o orçamento. Junto ao canto inferior esquerdo noticia-se de que Adrián López reforça dragão. A mesma notícia dispõe-se na capa do jornal O Jogo. Irónico. Reforça dragão para quê,  se è possível não haver campeonato? Mais a direita Slimani quer começar melhor que no ano passado.

Publicidade
Publicidade

Começar o quê? Muitas pessoas eram capazes de dar o que têm e o que não têm para que haja campeonato. Mas ninguém se disponibiliza a pagar pela saúde e educação. Ligo a TV para ver notícias, e a primeira coisa que vejo, ou pelo menos a mais relevante, é “governo admite encerrar a escola X no bairro X”; “Centro de Saúde da freguesia X encerra suas portas e os habitantes terão que fazer quilómetros a pé á povoação mais próxima a fim de obterem uma consulta com um outro médico assistente”; pois o médico deles já nem se encontra por perto.

Estamos a caminhar para era das cavernas. A medicina tradicional está de regresso. Muitas são as pessoas que já não procuram hospitais e nem centros de saúde de suas áreas. Antes preferem uma medicina tradicional, um tratamento a base de produtos naturais, frutas e raízes.

Publicidade

Que País é esse? Se até futebol já não tem verba…em breve os jogadores começarão a optar pela mesma solução que os demais…emigrar para onde as condições ainda se lhes apresentam. Estamos no fundo do poço? Atentem então para essa passagem: “Quando toda a riqueza estiver na mão desses (os illuminati?), o mais provável é que, num golpe de mestre, talvez o dinheiro – as notas de banco – passem, de repente, a valer tanto como papel de jornal lançado ao lixo. Então, quem detiver o poder económico, obterá facilmente o poder militar e o poder político mais que suficientes para se transformar no derradeiro ditador humano da História – de que Hitler terá sido o último tipo ou figura. Erguer-se-á então a personagem – sedutora mas sinistra –, que mandará em todo o mundo – ambição máxima, mas falhada, de todos quantos até agora se têm empenhado em construir impérios. Com todo o poder na mão, ninguém se lhe poderá humanamente opor, pois com a tecnologia sofisticada que já hoje existe, controlará completamente cada um – o que já está começando a acontecer.” (Escrito por Dr. Jacinto Marques, inspirado na Bíblia).

Publicidade

Essa fase da crise no campeonato passará, mas outras virão. Até quando conseguirão suportar os custos? Benfica, Sporting e Porto não conseguirão segurar as pontas por muito mais tempo. Os milionários de antigamente, que hoje pedem para comer, também não acreditavam de que um dia chegariam a essa fase. O que está escrito desde o início dos tempos não pode ser mudado. Os que perseverarem até o fim e não forem pelas amizades do mundo, esse serão salvos. Mas atenção, pois muitos serão chamados, mas poucos escolhidos. Voltaremos a ser felizes. Agindo a mão de Deus quem impedirá?