Enquanto o comércio se veste para o natal, o clima parece querer acompanhar a tendência e o Inverno parece ter chegado ao país esta segunda-feira, dia 3 de Novembro.

Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), a partir de hoje o estado do tempo deverá agravar-se em todo o território, devido à passagem de um sistema frontal, de norte para sul. A precipitação deverá estender-se do Minho e Douro Litoral às restantes regiões, com agravamento também do vento e da agitação marítima.

Os distritos de Braga, Viseu, Vila Real, Viana do Castelo, Porto, Aveiro e Coimbra estão sob aviso laranja (o segundo mais grave de uma escala de quatro) devido à chuva.

Publicidade
Publicidade

Os restantes distritos estão sob alerta amarelo, com o vento a atingir 80 km/hora no litoral, e 95 Km/hora nas terras altas, com ondas a chegarem aos cinco metros.

Perigo de inundação

Enquanto a queda das temperaturas já se faz sentir, a Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) lançou hoje o alerta: há perigo de inundações nas zonas históricas, lençóis de água nas estradas e queda de árvores e ramos. As ocorrências já são familiares, tendo em conta os danos causados pelo mau tempo que se fez sentir em Outubro e que deixou mazelas em Lisboa, por exemplo.

Desta vez, serão novamente as zonas do litoral norte e centro as mais afectadas, mas a chuva forte deverá acontecer um pouco por todo o país, especialmente no período desde o início da tarde até ao final do dia. Para as cidades, a ANPC alertou, em comunicado, para possíveis "cheias rápidas por acumulação de águas pluviais ou insuficiências dos sistemas de drenagem", para a "possibilidade de inundação por transbordo de linhas de água" e para o "piso rodoviário escorregadio e eventual formação de lençóis de água".

Publicidade

Tréguas na terça-feira

O IPMA prevê que a chuva faça um intervalo na terça-feira, mas o que não vai dar tréguas é a temperatura, com a máxima a ficar-se pelos 10 graus no litoral. Nas Penhas Douradas (Serra da Estrela), é possível que tenhamos de dar as boas-vindas à primeira neve do ano, já que a previsão é de um grau. A temperatura nas zonas do interior deverá ficar-se pelos quatro e cinco graus.

A meio da semana, o estado do tempo deverá continuar a registar uma queda das temperaturas mínimas e da precipitação, e a estabilização das máximas, mas a chuva deverá estar de regresso na quinta-feira.