A cidade do Porto é considerada um local para todos, por todos e de todos. Desde brasileiros, americanos e ingleses, até canadianos, belgas e finlandeses, a Invicta recebe, no dia-a-dia, um elevado número de turistas, sendo por isso considerada um destino turístico actualmente muito em voga. No entanto, quando a situação é analisada mais detalhadamente, é notada a falta de roteiros turísticos destinados a pessoas com deficiência visual. Foi nesse ponto que incidiu o projecto de uma aluna da Escola Secundária Fontes Pereira de Melo, no Porto, no âmbito da realização de uma Prova de Aptidão Profissional para conclusão do Curso Profissional Técnico de Turismo.

Publicidade
Publicidade

Segundo explicou a aluna, "foi previamente realizada uma cuidada análise das problemáticas existentes na cidade do Porto no que diz respeito a acessibilidade, conforto e iguais oportunidades. E isto é o que todos os turistas invisuais procuram, primordialmente, quando visitam uma cidade." A cidade é vista desta forma aos olhos desta jovem empreendedora, que explica um pouco mais sobre o projecto que concebeu: "Das várias temáticas, problemáticas, necessidades, oportunidades e ainda, das valências que a cidade oferece, não posso deixar de referir que para um turista invisual, as dificuldades, são mais que muitas." Foi por esta razão que a aluna decidiu "identificar todos os recursos culturais e serviços existentes na cidade adaptados a pessoas com necessidades visuais, e dessa forma poder encontrar e viabilizar soluções para esta temática".

Publicidade

No final da apresentação a jovem, que tem 18 anos, recebeu a nota de 19 valores. O projecto foi apresentando posteriormente à Câmara Municipal do Porto, onde estará a ser analisado. O projecto contou com o apoio da ACAPO - Delegação do Porto e das Edições Braille do Hospital Psiquiátrico Conde Ferreira. A jovem pondera, ainda, colocar o produto nas lojas brevemente, de modo a torná-lo acessível a todos os invisuais e não apenas aos portugueses. O produto estará também, posteriormente, acessível a turistas em plataformas on-line e no aeroporto.