Imagem colocada a circular na internet por um site que já antes tinha antecipado as camisolas de vários clubes europeus, mostra a Fly Emirates como o principal nome na camisola alternativa (supostamente) do #Benfica para a época de 2015/2016. De recordar que a Fly Emirates já patrocina as camisolas de toda a formação do clube da Luz. A veracidade desta imagem ainda não foi confirmada por nenhum órgão oficial do Sport Lisboa e Benfica, até porque na imagem vemos o escudo de campeão nacional 2014/2015, e o Benfica ainda não conquistou esse mesmo título.

Como adeptos do Benfica, amámos a suposta camisola alternativa. É um regresso às origens.

Publicidade
Publicidade

A maioria dos benfiquistas sempre preferiu que fossem adoptadas as cores branca e vermelha para a camisola alternativa (sendo a branca a principal e a vermelha a secundária). Em relação ao patrocínio da Fly Emirates, existem dados que afirmam que os prémios monetários para o clube serão maiores do que com qualquer outro patrocínio antes existente, pelo que será também bastante benéfico para todos, numa altura em que os clubes lutam nacional e internacionalmente para conseguir equilibrar as contas. Visto que já patrocinavam o futebol de formação, não vejo o porquê de não estenderem também o patrocínio para a equipa principal e possivelmente para a equipa B.

Como sabemos, o patrocínio, neste momento, nas camisolas é realizado pela PT. Segundo dados apurados pelo DN, esta parceria rendia (e rende) cerca de 4,5 milhões de euros ao Benfica.

Publicidade

Ora, com a proposta da Fly Emirates, suspeita-se que estes valores possam subir aos 8 ou 10 milhões de euros. É uma diferença bastante significativa e que, com certeza, faria imensa diferença nas contas do clube. O Benfica poderá, desta maneira, juntar-se à enorme (e bem constituída) família Emirates, que conta com clubes como Real Madrid, Arsenal, Paris Saint-Germain e AC Milan.

Para além da camisola, no acordo poderá estar também envolvida a mudança do nome do Estádio. Passaria de "Estádio da Luz" para "Estádio Fly Emirates". Pessoalmente, não concordamos com esta mudança. O nome do estádio deve, e deverá sempre, permanecer o mesmo. É um marco, um símbolo do clube, não faz qualquer sentido ser modificado. "Estádio da Luz" para além de um estádio, é uma marca reconhecida mundialmente. Recebe anualmente visitantes de todo o Mundo, que ao visitarem Lisboa não escondem a sua admiração e satisfação ao verem, e poderem visitar, um dos melhores estádios de futebol do Mundo.