Já são conhecidos os preços dos bilhetes para a deslocação do Sport Lisboa e #Benfica a Barcelos. O Gil Vicente recebe o Benfica dia 2 de Maio (Sábado), num encontro a contar para a 31ª jornada do Campeonato Nacional. Os preços dos bilhetes variam entre os 20 euros e os 60 euros. 20 euros é o custo de um bilhete para o Topo Norte (claques benfiquistas), 40 euros será o preço correspondente a um bilhete para a Bancada Central Nascente, e, finalmente, 60 euros será o preço mais caro de um bilhete, para a Bancada Central Poente.

Os bilhetes serão colocados à venda nos locais habituais: Bilheteiras do Estádio da Luz e Casas do Benfica.

Publicidade
Publicidade

Numa primeira fase, apenas os sócios com RedPass poderão comprar (28 e 29 de Abril), depois seguem-se os sócios sem RedPass (30 de Abril), e, finalmente, se ainda existirem bilhetes, será a vez de todos os adeptos benfiquistas terem oportunidade de adquirir o seu bilhete (dia 1 de Maio). Dia 28 de Abril (terça-feira), os bilhetes irão começar a ser vendidos a partir das 14 horas, e a venda irá ser dada por terminada (se não esgotar antes) dia 1 de Maio (sexta-feira) pelas 20 horas.

Depois de conhecidos os preços, instaurou-se a revolta (com razão) dos adeptos benfiquistas (que têm apoiado incansavelmente a equipa seja em casa ou fora) que acham absolutamente ridículo e absurdo os preços aplicados para este jogo. Vejamos, o Gil Vicente encontra-se no penúltimo lugar do Campeonato Nacional, e os bilhetes custam tanto como um jogo de nível da Liga dos Campeões.

Publicidade

Não faz qualquer tipo de sentido. Ainda se as condições em que os adeptos do Benfica (e não só) são recebidos fossem de excelente qualidade, mas não. Os adeptos ficam horas nas filas de espera, entram tarde nos estádios, quando entram os estádios estão completamente sujos e sem cuidado nenhum especial para receber a equipa adversária e a falta de segurança nas zonas onde os adeptos se encontram é notória. Posto isto, qual é o sentido de pagar tanto dinheiro para ver um jogo do primeiro classificado com o penúltimo?

Para além de tudo isto, ainda existe o atraso na marcação de jogos. Como todos sabemos, o Sport Lisboa e Benfica tem adeptos espalhados por todo o mundo (grande maioria emigrantes), e muitos deles acompanham o clube encarnado para todo o lado. Ora, com a marcação de viagens a ter de ser feita antecipadamente, com alojamento a ter de ser tratado também antecipadamente, como é possível não marcarem os jogos pelo menos 15 dias antes? Assim, será difícil ter um Campeonato bem organizado e que seja visto, "lá fora", como um dos melhores campeonatos da Europa e do Mundo. #Futebol