Caro Sr. Lopetegui,

Ao ouvir a sua análise no rescaldo no FC Porto - Gil Vicente senti o dever de o esclarecer de alguns aspetos que, infelizmente, não lhe facultaram, no sentido de tecer considerações mais fundamentadas sobre a Liga que disputa.

Relativamente ao desempenho do seu FC Porto frente ao SL #Benfica, sugiro que consulte as estatísticas dos referidos encontros, no sentido de não transmitir uma perspetiva errada do sucedido. No Dragão, encontro que o Benfica venceu por 0-2, verificou-se um ascendente do FC Porto que se traduziu em 55% de posse de bola e mais 1 remate à baliza do que o Benfica. Um #Futebol mais pragmático do Benfica e uma incompetência defensiva do FC Porto traduziram a diferença no marcador.

Publicidade
Publicidade

Já no jogo da segunda volta, o Benfica alcançou uma posse de bola de 54%, tendo o mesmo número de remates à baliza do que o FC Porto. Neste sentido, não consigo ver a superioridade que tanto apregoa e faz crer ser verdadeira.

Relativamente à Liga dos Campeões, devo reavivar a sua memória para o seguinte:

O FC Porto teve em sorte um grupo que continha o BATE Borisov, o Atlético de Bilbau e o Shaktar. Caso não tenha noção, posso esclarecê-lo que o BATE milita e é líder da liga bielorussa, o Atlético de Bilbau, após uma recuperação assinalável, é agora 8º da Liga Espanhola e o Shaktar, equipa mais cotada, é o 2º classificado da liga ucraniana.

Já o Benfica defrontou o Mónaco, Bayer de Leverkusen e Zenit, que são apenas o 3º classificado da liga francesa, o 4º da liga alemã e 1º da liga russa, respetivamente.

Publicidade

Não sei se isto é suficientemente óbvio para perceber os incomparáveis índices de dificuldade entre os dois grupos, e se é verdade que que contra o Bayern marcaram mais golos do que o Benfica em toda a fase de grupos, também não é menos verdade que o Benfica sofreu tantos golos na fase de grupos como o FC Porto no jogo com o Bayern de Munique na Alemanha

Não quero também deixar de realçar que, com a exceção do jogo com o Bayern em casa, o FC Porto não foi capaz de vencer qualquer jogo na Champions com um índice de dificuldade médio-elevado: empatou os dois jogos com o Shaktar e perdeu um com o Bayern, uma vez que, quer eu quer o sr. Lopetegui, sabemos que o Basileia também é bastante inferior ao FC Porto.

Relativamente ao "manto" que cobre o Benfica, o sr. Lopetegui seria muito mais credível se falasse abertamente do sucedido no jogo do FC Porto em Penafiel, nos jogos com o Braga e apenas assim teria legitimidade para falar daquilo que vulgarmente apelidam de "colinho" do Benfica.

Publicidade

Peço-lhe para fazer a contabilidade dos pontos em que os erros de arbitragem tiveram influência e talvez se espante com o resultado!

Por fim, espero que os dirigentes do SL Benfica não respondam a esta provocação e apenas a conquista do campeonato será a resposta conveniente a todas estas provocações e, caso tal aconteça, relembro-lhe que com o maior orçamento da história do FC Porto conseguiu perder todas as competições. A responsabilidade não pode ser só externa!

Talvez um dia venha a perceber que a autoanálise é essencial para o nosso desenvolvimento, que o futebol português tem muitos anos de história e que não faz o menor sentido um treinador do FC Porto falar de erros de arbitragens…

Saudações desportivas! #F.C.Porto