Depois de há horas ter sido publicado que Mayweather e Pacquiao iriam escrever um novo capítulo na sua rivalidade, a ESPN lançou a notícia de que o mesmo já não se irá concretizar. Mayweather terá enviado na passada terça-feira uma mensagem ao jornalista Stephen A. Smith confirmando o possível "rematch". Mas saíram novas informações e o boxeur afirma que já não quer combater o filipino, pois acha-o um cobarde que não sabe perder com dignidade.

Estas declarações devem-se ao facto de Manny Pacquiao ter afirmado que no passado sábado combateu com uma lesão no ombro direito, tendo mesmo sido operado, em Los Angeles, nesta quarta feira.

Publicidade
Publicidade

O filipino ficará 9 a 12 meses fora do ringue, enquanto que Mayweather irá combater no próximo mês de Setembro, naquela que será, para já, a sua última luta, planeando retirar-se no fim da mesma, uma vez que o possível combate com Pacquiao na Primavera de 2016 poderá não ocorrer.

A pergunta que se coloca é: Será tudo isto uma manobra publicitária? Uma vez que já não podem vender o combate como algo inédito, não o podem vender com a força de um grande primeiro combate (o combate ficou aquém das expectativas, nenhum ficou amolgado ou marcado) e Mayweather pode ter muitos defeitos, mas a promoção de eventos não é um deles. Money sempre foi um apelido bem justificado!

Será que quando Pacquiao estiver recuperado vai haver uma luta entre ambos? Caso tal aconteça, as receitas também deverão ser históricas, mas mais motivadas pela rivalidade e ódio que Mayweather estará a promover, em vez do choque de talentos e personalidades que vendeu a 1ªedição! Seja como for, no próximo Sábado vai ser exibida uma entrevista no canal Showtime (no dia a seguir já deve estar no YouTube, para quem quiser ver), em que o boxeur americano vai falar desta situação e ficaremos a saber mais pormenores.

Publicidade

Para acabar, nada melhor que Mayweather nas suas próprias palavras: "Ele perdeu. Ele sabe que perdeu. Perdi muito respeito por ele depois disto tudo".

E vocês o que acham ? Manobra publicitária ou real ? #Boxe