Entramos oficialmente na década de 70. Se nos anos 60 tivemos os primeiros sinais, os primeiros passos dados em direcção ao que viria ficar conhecido como hard rock e heavy metal, sem dúvida que foi na década de 70 que o género se estabeleceu definitivamente. De longe um dos períodos mais férteis da criatividade musical e o som sagrado, beneficiou como nenhum outro desse mesmo facto. Mergulhemos então em 1970.

10-T-Rex-T-Rex - Marc Bolan estabeleceu o glam rock (tal como David Bowie) e as regras que mais tarde viriam a ser utilizadas pela cena de Los Angeles e por bandas como Bon Jovi e Mötley Crüe. Aqui, a guitarra eléctrica já começava a ter mais destaque, embora o folk acústico ainda fosse o principal foco.

9- Santana-Abraxas - 2º álbum da banda liderada pelo guitarrista Carlos Santana, que juntava no mesmo tacho rock instrumental, psicadélico, blues.

Publicidade
Publicidade

Temas como "Black Magic Woman" (original de Peter Green) e "Oye Como Va" são temas imortais do rock.

8- Ten Years After- Cricklewood Green - Os Ten Years After foram uma das mais sólidas bandas de blues rock saídas do Reino Unido na década de 60 e este quarto trabalho é uma prova de como os blues continuavam a mandar na década de 70, principalmente quando misturados com um certo psicadelismo.

7- Free- Fire And Water - A mistura entre o blues e o rock viria dar lugar ao hard rock e os Free de Paul Rodgers foram um dos grandes primeiros exemplos. "All Right Now" é um tema imortal de hard rock, com um riff inconfundível.

6- Yes- Time And Word - Segundo e ultimo álbum da banda a contar com Peter Banks nas guitarras antes de entrar Steve Howe. O uso da orquestra fez com que fosse um pouco ignorado - sendo inclusive a razão da saída de Banks - mas sem dúvida que a sua grandiosidade é característica daquilo que a banda nos viria a habituar num futuro próximo.

Publicidade

5- King Crimson- In The Wake Of Poseidon -Depois de uma revolução no alinhamento que deixou Robert Fripp sozinho para continuar com os destinos da banda, a extravagância do rock progressivo, sinfónico e psicadélico continuou intacta.

4- Pink Floyd- Atom Heart Mother - Com uma faixa de 23 minutos e uma melodia bastante pomposa e reconhecível, "Atom Heart Mother" representa a ambição de uma jovem banda que viria a ser reconhecida como a maior banda de rock progressivo de todos os tempos. Este trabalho foi um passo seguro nesse trajecto, apesar de tanto Gilmour como Waters o considerarem como um fracasso criativo.

3- The Doors- Morrison Hotel - O melhor álbum da banda liderada por Jim Morrisson, onde a banda abraçou as suas raízes blues por completo, depois do flop que foi "The Soft Parade". "Roadhouse Blues" é um hino rock.

2- Black Sabbath- Black Sabbath - Primeiro álbum da banda que é sinónimo de heavy metal. Apesar da importância de Led Zeppelin e Deep Purple, foram os Black Sabbath que trouxeram o imaginário, os riffs e as regras para aquilo que mais tarde seria formalizado como heavy metal - e em específico doom metal.

Publicidade

O tema título e "N.I.B" são clássicos da banda em particular e do heavy/doom em geral.

1- Led Zeppelin- III - Apesar de ser conhecido como o álbum acústico da banda e de ter sofrido um pouco com isso nas mãos dos críticos, sem dúvida que é sinal do crescimento criativo da banda. "Immigrant Song", "Since I've Been Loving You" são clássicas (a primeira como #Música de hard rock, a segunda como power ballad com base no blues), mas são temas como "Friends" e "Gallows Pole" e toda a sua classe folk que fazem deste álbum o grande destaque de 1970.