Há vários rumores sobre uma possível transferência de Maxi Pereira, lateral direito uruguaio que alinha há 8 temporadas no Sport Lisboa e Benfica, que apontam o Futebol Clube do Porto como destino do jogador. Torna-se complicado perceber se será mesmo esse o destino do uruguaio, embora vários órgãos de comunicação social afirmem que é. Neste caso, e numa tentativa de apurar verdades, a primeira é óbvia, e anula todas as outras que se lhe poderão seguir.

Essa verdade é a de que os jornais mentem, e não têm vergonha disso. A verdade, a primeira verdade sobre este caso, é que há jornais que ainda há uma semana faziam capa dizendo que Maxi Pereira já tinha renovado por 3 épocas com o SL Benfica, dizendo que era facto consumado.

Publicidade
Publicidade

Esses mesmos jornais, poucos dias depois, já diziam que Maxi Pereira estava a caminho do FC Porto, chegando até a dizer que já assinou contrato por 4 temporadas com os azuis e brancos. Falam de vingança, de ambição do jogador, isto depois de terem dito que Maxi não queria jogar pelo FC Porto porque seria um clube cujas conquistas não teriam sido obtidas da maneira mais correcta. Será verdade que Maxi disse isso? Como saberemos? Como podemos saber? Pois.

Mas como fica o leitor no meio disto tudo? Como pode um leitor acreditar num jornal que lhe garante uma coisa, e passado uns dias já garante outra? E o que se seguiu? A culpa seria de Maxi, que queria mais dinheiro. Mais alguma imprensa especulou sobre as ambições do uruguaio, que queria ganhar mais dinheiro que os mais bem pagos do plantel.

Publicidade

Não colou. A descoberta exclusiva seguinte da imprensa foi que afinal Maxi queria ficar no #Benfica, mas o seu empresário, Paco Casal, homem mal-amado na Luz, queria 2 milhões de euros para deixar Maxi Pereira renovar o seu contrato com os encarnados.

Há um aproveitar do insólito caso de Jorge Jesus, onde ninguém sabia do seu destino, e só souberam quando alguém envolvido no processo assim o quis. Neste momento, os adeptos benfiquistas ainda se encontram feridos por esse acontecimento, e têm perdido um pouco o descontrolo, especialmente nas redes sociais, onde vão lançando ora acusações, ora promessas de amor, ao uruguaio, conforme sai um tipo ou outro de notícia. Foi para isto que se fez o 25 de Abril. #Futebol #F.C.Porto