Depois da primeira conquista de Jorge Jesus pelo #Sporting, o treinador decidiu falar do #Benfica. Questionado sobre o seu passado durante a conferência de imprensa, após a conquista do Torneio da Cidade do Cabo, Jorge Jesus falou sem rodeios e voltou a afirmar que faz parte da história do clube encarnado. Agora que o treinador português representa o maior rival do seu antigo clube, será que estas palavras caem bem a Bruno de Carvalho e até mesmo aos adeptos sportinguistas e benfiquistas? Apesar de ter reafirmado que só quer falar do presente e do futuro, Jesus voltou a falar do clube onde foi feliz durante 6 anos, o Benfica.

Na primeira conferência de imprensa oficial como treinador do Sporting, Jorge Jesus falou de algo um pouco inesperado e talvez inapropriado: o Benfica.

Publicidade
Publicidade

Para este, as conquistas e os feitos que teve ao serviço dos encarnados conferem-lhe um lugar especial nos históricos do clube da Luz. "Vou sempre ficar na história do Benfica", foram estas as palavras de Jesus que têm vindo a provocar algum desconforto nas hostes benfiquistas, mas também sportinguistas.

No presente, Jorge Jesus conquistou o primeiro troféu ao serviço do seu clube de coração, o Sporting, mas será que o treinador leonino ainda não conseguiu desligar-se totalmente do Benfica? Na verdade, a pressão dos jornalistas sobre o seu passado leva a que a opinião pública continue a ver o Jesus como um ex-treinador do Benfica a treinar o seu maior rival, do que simplesmente o actual treinador do Sporting. Mas conseguirá Jesus abstrair-se dessas tais pressões e colocar um ponto final nas referências ao seu passado?

Penso que o polémico anúncio promocional à Supertaça, a 9 de agosto, feito pela RTP, é um excelente exemplo do protagonismo que Jorge Jesus tem neste momento. A sua história, a sua traição e a sua personalidade garantem vendas de cópias de jornais e muitas audiências.

Publicidade

E, pelo menos para já, o treinador Jorge Jesus, voluntariamente ou não, está a fazer com que o interesse à sua volta continue num nível elevadíssimo. Será isso positivo para o equilíbrio da sua equipa? #Futebol