Na passada semana foi elaborado um trabalho jornalístico em França, por Gilles Rolland, no site BuzzFedd, que discriminou 34 razões para não visitar Portugal. No entanto, ao ler-se a reportagem realizada pelo francês, percebe-se que a história não é bem assim. Afinal, as razões apontadas surgem com o objectivo de fazer os franceses visitarem Portugal e tudo o que de bom o nosso país tem para apresentar. Ao ver semelhante notícia, qualquer português fica indignado mas só lendo e vendo as fotografias que acompanham o texto percebe que todo o artigo é feito com bastante ironia de modo a criar uma expectativa para quem visita Portugal.

Qualquer turista iria certamente gostar de observar ou passear pelas margens do Douro, sejam elas no Porto ou no Douro vinhateiro.

Publicidade
Publicidade

Visitar Lisboa e perceber os anos de história que se percorre ao visitar as ruas estreitas da parte antiga da cidade. Ou mesmo sentir-se um rei ou príncipe nos jardins ou no palácio de Sintra. Sem esquecer a água azul das nossas praias aliadas a um excelente clima e a uma melhor gastronomia que todos gostariam de descobrir. E claro, não poderia ser esquecida a arte portuguesa de bem receber!

É engraçado que Gilles Rolland tenha escolhido a ironia para presentear o #Turismo feito no nosso país. Sim, porque qualquer português que inicie a ler o artido de certeza vai pensar mal do francês... Mas não se pode deixar de achar piada que Gilles conseguiu captar a atenção de todos. Aliás, o seu artigo foi notícia não só em França como no nosso país já que todos os que o iniciaram a ler procuraram razões para não se deslocarem ao nosso país...

Publicidade

E no final, todos gostariam mesmo era de realizar umas férias, uma pequena visita que seja ou mesmo viver uma parte da sua vida no nosso pequeno mas bonito, agradável e simpático país!

Obrigada Gilles Rolland pela publicidade! Obrigada pela escolha no nosso país, por criar expectativas nos seus compatriotas e por fazer com que, cada vez mais, Portugal seja procurado por turistas, sejam eles franceses ou de qualquer nacionalidade!