Parte das pessoas pensa que não tem direito à riqueza, que é impossível de a alcançar. Sente que é impotente no que toca a realizar os seus sonhos e desejos mas a verdade é que ao pensar assim, nunca alcançou tais estados. Isto é, ao pensarmos automaticamente que nos é impossível, esses mesmos pensamentos e emoções tornaram impossíveis, de facto, as nossas realizações pessoais e/ou colectivas.

Transformamos a nossa vida sobretudo pelas nossas intenções e pelas nossas atitudes, pois é necessária bravura para seguir o que realmente sentimos. É também preciso coragem para contradizer todas as crenças e influências exteriores que nos são constantemente impostas.

Publicidade
Publicidade

Isso é de grande valor...

A nossa singularidade é também a nossa autenticidade.

A riqueza, por exemplo, quantos de nós não a desejam ou a perseguem? Deixem ambos se encontrarem, porque todos temos direito a alcançá-la, seja ela espiritual ou económica. 

Se precisamos de dinheiro? Talvez não, dependendo da estrutura do sistema em que globalmente funcionamos. Neste sistema que nos é imposto, o problema não é o dinheiro mas a forma como está a ser usado para influenciar seres de luz a (sobre)viverem em frequências baixas, impedindo assim a natural prosperidade não só da humanidade, mas também do próprio planeta. O que é certo é que nos dias de hoje é-nos essencial, caso queiramos ter opção de escolha e/ou determinadas outras opções, básicas, que nos são essenciais à nossa sobrevivência, ou até mesmo a outras mais específicas, que nos dão a possibilidade de entrar em aventuras, como viajar entre países, ou obter artes manuais, e sobretudo, conforto! Entre muitas outras opções...

Publicidade

Tal não significa que não seja possível viver sem dinheiro, porque acreditem, é mesmo! Cooperação e amor é o que basta.  

Algo curioso... Porque tem que existir separação entre material e espiritual? Podemos alcançar tanto a riqueza espiritual como a riqueza económica, não tendo necessariamente que existir separação, tal como ao obtermos dinheiro não quer dizer que inevitavelmente percamos a cabeça e nos desliguemos da essência de viver, de sonhar, de criar e transformar... Tudo depende das experiências e aprendizagens obtidas, ou não. Entendamos que as separações são ilusórias. São os mesmos extremos opostos se sustentam e criam o equilíbrio. E é certo que ambos partilham as mesmas raízes.

Só tu podes entrar para lá das portas dos reinos da riqueza... Depende de quanto o queres.              

A diferença entre o nosso corpo e o dinheiro é absoluta, absurda até, visto em determinadas perspectivas. No entanto, tal como o nosso corpo nos permite explorar o mundo em que vivemos, em conjunto com as nossas sensações, emoções e sentimentos, e tal como a Internet é somente "maleável" através de frequências que são redireccionadas através dos seus componentes materiais, permitindo assim a exploração da tecnologia, o dinheiro permite-nos explorar a sociedade em que vivemos, que está cheia de prazeres e tentações, seduções e acreditem...

Publicidade

muitos segredos.

Permite-te a ser rico! Espiritual e economicamente! Porque tu podes. Porque tu tens esse direito! 

Onde focamos, semeamos. Amor, Prosperidade e abundância nas nossas vidas! Não esquecendo que a riqueza é um processo de partilha, de entre-ajuda, de cooperação e até de grande amor e valor quando sentido e manifestado nobremente.       #Vida Saudável