A região de Estela, na Póvoa do Varzim, tem feito manchete nacional após um #Acidente no sábado à tarde, na EN13, ter feito uma vítima mortal e deixado três pessoas feridas. A informação foi adiantada pelo Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS). O acidente rodoviário foi o resultado de uma colisão entre duas viaturas ligeiras e foi claramente uma das piores notícias que duas famílias poderiam ter tido neste #Natal.

O alerta do acidente foi dado pelas 17h10. A vítima mortal tinha 67 anos e viajava sozinha num dos carros envolvidos no acidente, que se deu a 500 metros das bombas da Estela. Os #Bombeiros da Póvoa do Varzim deslocaram ao local várias ambulâncias, mas o óbito acabou por ser declarado no local.

Publicidade
Publicidade

As outras três pessoas que ficaram feridas, apesar dos ferimentos sem gravidade, foram transportadas para o Hospital da Póvoa.

Ao todo, no local do sinistro, estiveram 24 elementos dos bombeiros da GNR e do INEM, sendo que até bombeiros de Fão prestaram auxílio. O trânsito no local esteve cortado durante quase uma hora.

Este mês, o Blasting News já tinha referido mortes devido a outros acidentes rodoviários, sendo que num deles três elementos da mesma família acabaram por morrer.

Na estrada todo o cuidado é pouco

Seja na Estela, em Lisboa, ou no Sul de Portugal, qualquer acidente rodoviário é uma tragédia que nos lembra que na estrada todo o cuidado é pouco e que há sempre algumas regras de segurança a cumprir para chegarmos sãos e salvos a casa.

Sempre que circular na estrada, não se esqueça de colocar o cinto de segurança, de cumprir os limites de velocidade e de adotar uma condução defensiva.

Publicidade

Não conduza depois de consumir bebidas alcoólicas ou depois de consumir drogas, ajuste a sua condução de acordo com as condições meteorológicas e evite o uso do telemóvel, para que não se distraia.

A mensagem de Natal devia ser positiva e apesar de não ter sido adiantada informação acerca da causa do sinistro relatado nesta notícia, sabemos que grande parte dos acidentes rodoviários podem ser evitados desde que as dicas acima sejam seguidas.