Depois de algumas horas de jogo nesta edição de 2017 da franquia de #Motociclismo de velocidade da Codemasters, tenho algumas coisas a dizer e nem todas são boas. Antes de mais tenho que deixar um "spoiler alert": para quem não quer perder as surpresas do jogo é melhor não ler esta review. Se não se importa com isso, então vamos a isso.

No ano de 2016 tivemos uma versão com a capa e o foco do jogo em Valentino Rossi, o que trouxe algumas diferenças e uma campanha mais ou menos envolvente. Este ano tivemos o modo dirigente que nos permite criar a nossa própria equipa nas diversas categorias, ir desenvolvendo as nossas motas e progressivamente fazer crescer a nossa equipa.

Publicidade
Publicidade

A ideia é muito interessante mas peca por falta de reconhecimento pelo cumprimento dos nossos objectivos. Os festejos das vitórias são muito repetitivos e o mais que recebemos depois de cumprir uma objectivo importante é um pouco motivante e-mail. Fica muito a desejar nesse campo.

O modo de carreira também é muito cru. Apenas corrida atrás de corrida sem mais nada para motivar o jogador a atingir metas. Mesmo depois de ganhar um campeonato, apenas recebemos um e-mail a parabenizar pelo feito (o que sabe a pouco comparando com outros jogos do género). Nem quando evoluímos nas diversas categorias (moto3, moto2 e motogp) somos premiados com algo mais que um mísero e-mail.

Outra coisa que torna o jogo monótono é que não existe evolução nas equipas de cada categoria de uma época para outra. Ou seja, podem passar as épocas que quiseres que todos os campeonatos estarão idênticos, mesmas constituições de equipas e até a idade dos vários pilotos (o que é tudo menos realista).

Publicidade

No entanto, nem tudo são más notícias. Quanto à jogabilidade, o realismo e a física das motas está bem trabalhada e realista, e a sensação de velocidade é bem conseguida e interessante. O realismo do tempo durante a corridas é um bom aspecto, bem como as quedas dos outros pilotos que também é aleatória e acrescenta realismo à corrida.

O online é muito fraco e praticamente inexistente, o que também é uma decepção. Apesar de tentarem criar um campeonato completamente vocacionado para os amantes deste desporto, ficou-se pela fase de inscrição e apenas o on-line entre jogadores está disponível de momento, o que mais uma vez sabe a pouco.

No geral, o jogo é mais vocacionado para os amantes hardcore do género mas falta-lhe algo mais. Eu diria que para quem esperava um bom jogo de motas vai ficar um pouco desiludido com este lançamento.

Resta esperar pelo próximo ano e esperar que seja melhor. #review #videogame