O município de Ponte de Lima começa 2015 com os cofres cheios: 13.649.667,82 euros. Ou seja, mais 3,35 milhões do que o ano passado, o que representa um aumento de fundos disponíveis em 33%. De ressaltar que este valor é resultado do saldo inicial juntamente com as receitas conseguidas, menos os pagamentos de 2014. Segundo o autarca local, Victor Mendes, eleito em 2009 pelo partido do CDS-PP, esta boa saúde financeira é fruto do rigor orçamental, bem como do controle das despesas por parte do executivo.

Com uma conta bancária recheada, Ponte de Lima consegue continuar a aplicar taxas fiscais baixas aos cidadãos e às empresas, a atribuir vários apoios sociais, assim como a investir em equipamentos e infraestruturas fulcrais ao desenvolvimento do município.

Publicidade
Publicidade

Os próprios dados revelados pelo Anuário de 2013, em Novembro, comprovam isso mesmo. Os limianos, além de estarem em terceiro lugar no pódio dos municípios com endividamento líquido negativo, conseguem liquidar as suas dívidas num período máximo de 8 dias, tendo reduzido face ao ano anterior (2012) - 13 dias.

O ano de 2015 começa, deste modo, a sorrir para a autarquia de Ponte de Lima, que pode avançar com os projectos e cumprir os compromissos estabelecidos, dentro dos prazos, pelo Orçamento, fazendo assim aumentar a boa imagem que tem junto da população.

Uma terra onde se come bem

Entre os nomeados na categoria "Destino Gastronómico do Ano" pela revista "WINE - A Essência do Vinho" em 2014, encontra-se Ponte de Lima. Trata-se de um reconhecimento de uma publicação com peso na área e que há mais de uma década distingue os melhores em 12 categorias diferentes.

Publicidade

Na lista consta ainda Lisboa, Estremoz e Matosinhos.

Segundo a revista, Ponte de Lima é vista como uma "terra de romaria gastronómica" durante todo o ano, sendo, inclusive, uma das principais capitais da cozinha tradicional portuguesa. Entre os seus valores gastronómicos destacam-se os rojões, o cabrito, o sarrabulho, a lampreia e o bacalhau. Os vencedores serão conhecidos já no próximo dia 30 de Janeiro na cidade do Porto.

#Turismo