O Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) abriu um concurso para a contratação de 85 Técnicos de Ambulância de Emergência. O aviso do procedimento foi publicado em Diário da República a 10 de fevereiro. O prazo para a receção de candidaturas termina 10 dias úteis depois. Segundo o anúncio, a delegação Regional do Norte e a Delegação Regional do Centro necessitam de 10 profissionais cada, os restantes 65 são para trabalhar na delegação Regional do Sul.

As candidaturas podem ser feitas através da Internet na página do INEM, onde estão disponíveis todas as informações e procedimentos em relação a este concurso. O salário oferecido é de 692,71 euros. Os candidatos deverão cumprir vários requisitos para poderem apresentar candidatura, os principais são: 12.º ano de escolaridade, nacionalidade portuguesa, 18 anos de idade completos, carta de condução, mínimo para a categoria B, perfil psíquico e físico correspondentes ao exercício das funções e cumprimento das leis de vacinação obrigatória.

Os candidatos terão anda de passar por seis fases de avaliação, em que cada uma corresponde a uma determinada percentagem para alcançar a nota final. No procedimento concursal publicado em Diário da República está descrito que a primeira prova é a de conhecimentos, em que é exigido um mínimo de 9,5 para passar às provas seguintes. Depois é feita a avaliação curricular, segue-se a prova de condução de base, a avaliação psicológica, o curso de condução defensiva e, por último, o curso de tripulante de ambulância de socorro.

O INEM procura técnicos que desempenhem as funções de prestação de socorro pré-hospitalar, façam o transporte de doentes urgentes através da condução de ambulâncias de emergência. Os profissionais têm também de colaborar ativamente no socorro e devem operar os sistemas de informação e telecomunicações das ambulâncias de emergência. Os técnicos terão também de colaborar na formação em emergência médica sempre que for solicitado. O prazo para a apresentação de candidaturas ainda está a decorrer e pode ser feito através do site do INEM.