Armando Pereira, actualmente o proprietário português mais conhecido da Altice, prepara-se para investir 100 milhões de euros em Guilhofrei, a sua terra natal, que serão utilizados para a construção de um campo de golfe. O anúncio foi feito à agência Lusa pelo Presidente da Câmara de Vieira do Minho, António Barbosa. Em declarações à agência noticiosa, o presidente da autarquia revelou que se vai tratar de uma infra estrutura construída junto à barragem do Ermal e que vai ter um total de 18 buracos. O novo campo ficará, desta forma, apto a receber competições de nível internacional.

De acordo com António Barbosa, a autarquia já está a efectuar todo o levantamento de proprietários dos terrenos necessários para a construção do campo.

Publicidade
Publicidade

Está também a avançar com as negociações para a compra dessas propriedades. De forma a conseguir a acelerar o processo de construção do campo de golfe, o presidente da autarquia minhota pretende pedir ao Governo que este seja reconhecido como projecto PIN (potencial interesse nacional).

Segundo investimento em Vieira do Minho ligado à Altice

Com a construção do campo de golfe, passam a ser dois os projectos apontados para a autarquia de Vieira do Minho. Há algumas semanas tinha sido também anunciado por Armando Pereira a intenção da Altice construir um futuro "call center" na terra natal do accionista português da empresa.

A empresa, que é desde o final de Janeiro dona da PT Portugal, vai criar com este projecto 100 a 150 postos de trabalho naquela região. O "call center" ficará instalado no andar superior da estação de camionagem de Vieira do Minho, mas o projecto poderá ser aumentado no futuro de forma a criar ainda mais emprego.

Publicidade

Apesar de no momento da divulgação desse investimento ainda não se ter conhecimento do projecto do campo de golfe, o Presidente da Câmara de Vieira do Minho tinha já referido que aquele poderia não ser o único investimento no concelho com ligações à Altice. Existe também a possibilidade de no futuro ser instalado no parque industrial um parque da PT, incrementando a posição nevrálgica de Vieira do Minho na estratégia da empresa detida pelo grupo francês Altice. #Negócios