Apesar de ter 93 curvas em 27 quilómetros de extensão, a Estrada Nacional (EN) 222 foi eleita como a melhor estrada do mundo para conduzir. A distinção foi feita por um estudo promovido pela Avis rent-a-car. Os analistas consideram que o traçado daquela via possibilita que o automobilista aprecie a paisagem vinícola do Douro. A Avis entende que aquele "galardão" poderá potenciar o #Turismo naquela região do Norte de Portugal.

Para eleger as melhores estradas do mundo para conduzir, a Avis rent-a-car baseia-se no Índice de Condução Avis - ADR Avis Driving Ratio - envolvendo uma equipa de especialistas constituída por um físico quântico, designers de pistas de Fórmula 1, de carros de alta cilindrada e de trajectos radicais.

Publicidade
Publicidade

O ADR tem em conta diversos factores, como a geometria da via em análise, o tipo de condução, a aceleração média, rectas, o tempo de travagem e as distâncias, entre outros. Naquele estudo científico os especialistas têm em conta, também, a possibilidade de o condutor usufruir da paisagem envolvente. Para tal, depende, essencialmente, a distância entre as curvas e as rectas.

Relativamente à EN 222, a análise refere que "o tempo gasto nas rectas torna-se o momento ideal para apreciar a paisagem envolvente antes de chegar à próxima curva, enquanto possibilita ao condutor o prazer e emoção de uma condução desafiante". Aquela estrada proporciona uma "viagem gloriosa" com vista para a região do Douro vinhateiro, declarada Património da Humanidade em 2001 pela UNESCO.

Uma distinção que enaltece aquela região demarcada como a mais antiga do mundo, decretada pelo Marquês de Pombal, em 1736.

Publicidade

A paisagem do Douro vinhateiro tem um carácter único evidenciando a relação da cultura do vinho com a oliveira e a amendoeira. A UNESCO destacou, também, o trabalho realizado pelo homem na construção de muros em xisto que prolongam as encostas que envolvem todo o vale do rio Douro.

O estudo da Avis rent-a-car, que analisou 25 troços rodoviários, coloca em segundo lugar a estrada Big Sur, na Califórnia, seguindo-se a A535, no Reino Unido. #Natureza