Alguns turistas passeavam à beira-rio quando avistaram uma mancha de óleo proveniente do fundo das águas da praia fluvial de Porto de Rei, em Resende, concelho de Lamego. Tudo aconteceu durante a tarde desta quarta-feira, dia 17 de junho, quando a corporação dos Bombeiros Voluntários de Lamego foi chamada por populares, que temiam que alguém tivesse caído ao rio num veículo automóvel, pois a mancha de óleo ficava cada vez maior. A equipa de mergulhadores dos BV Lamego iniciou o resgate do veículo por volta das 18 horas, tendo chegado a uma misteriosa carrinha de marca BMW, sem qualquer vítima lá dentro, sem matrícula e sem qualquer documento que permitisse identificar o proprietário ou fornecesse pistas sobre a forma como lá foi parar.

Publicidade
Publicidade

O espanto foi geral, pois esperava-se pelo menos uma placa de matrícula capaz de identificar a viatura, mas tudo parece ter sido feito de forma a que esta carrinha, e o seu destino "molhado", nunca seja identificada. Contactada pela Blasting News, fonte dos Bombeiros Voluntários de Lamego disse que seria provável tratar-se de uma situação de furto e abandono, mas que o caso está entregue às autoridades competentes para que seja analisado qual o motivo da carrinha aparecer submersa nesta praia fluvial de Lamego, num acto tão inusitado.

Segundo populares que vivem naquela zona ribeirinha do Rio Douro, há alguns relatos de uma carrinha se ter afundado no passado mês de janeiro, mas na altura, as autoridades competentes foram investigar e não encontraram qualquer pista.

Publicidade

Será bastante provável que os dois casos estejam relacionados e que a carrinha já lá se encontre desde o início do ano, dando a entender que a denúncia teria sido ignorada. Fica por saber o motivo de só agora ter vazado o óleo que alertou a população para a sua localização.

O caso está agora entregue à Autoridade Marítima do Rio Douro, que procede entretanto às averiguações, dando depois curso à investigação. Até lá, ninguém sabe de onde veio esta carrinha, nem a quem pertence. #Crime