Um homem de 43 anos de idade foi detido no final desta semana pela #Polícia Judiciária (PJ) suspeito de ter violado e roubado uma mulher de 80 anos em Mogadouro, no distrito de Vila Real, anunciou aquela polícia criminal em comunicado. Sobre o homem, desempregado, recaem fortes indícios pela prática dos crimes de violação e roubo. O #Crime ocorreu na noite do dia 26 de Julho e a vítima teve de receber tratamento hospitalar. Também nesta sexta-feira, 31 de Julho, a mesma Polícia Judiciária anunciou a detenção de mais suspeitos da prática de abusos sexuais a crianças.

De acordo com um comunicado emitido pela Polícia Judiciária, o homem de 43 anos, desempregado, foi detido no âmbito de uma investigação a cargo da Unidade Local de Investigação Criminal de Vila Real, com a colaboração da Guarda Nacional Republicana de Mogadouro.

Publicidade
Publicidade

Cerca das 20:45 horas do passado dia 26 de Julho, o indivíduo terá entrado na habitação de uma mulher de 80 anos de idade, em Mogadouro, no concelho de Bragança. “Após ter maniatado aquela, o arguido violou e apoderou-se de uma pequena quantia em dinheiro”, informa o comunicado à imprensa, acrescentando que, devido à sua tentativa de resistência a vítima “sofreu alguns ferimentos”, pelo que teve de receber tratamento hospitalar.

Por sua vez, o Departamento de Investigação Criminal de Ponta Delgada da Polícia Judiciária identificou e deteve, igualmente no final desta semana, um jovem de 23 anos de idade, suspeito de ter abusado sexualmente de duas meninas com 12 e 14 anos de idade. Segundo o comunicado da PJ, os factos ocorreram na ilha Terceira, “na casa de uma das vítimas, depois do suspeito ter granjeado a sua confiança” através da troca de mensagens pelas redes sociais via internet.

Publicidade

O suspeito é trabalhador da construção civil e possui antecedentes criminais, informa a mesma polícia criminal.

Através de um outro comunicado, a Polícia Judiciária anuncia também a detenção de um outro homem, de 47 anos, igualmente suspeito da prática de crime de abuso sexual a uma menina de 12 anos de idade, no distrito de Lisboa. Um tipo de crime que tem recaído, muitas vezes, sobre crianças menores de idade. “O detido abordou a vítima, que passava na rua, tendo mantido com ela, na via pública, contactos de natureza sexual, aproveitando a circunstância de, na altura, ali não circularem outros transeuntes”, informa a polícia.