Um violento acidente ocorrido na manhã deste sábado, 1 de Agosto, em Espanha provocou a morte de três crianças de 4, 8 e 12 anos de idade. Da violenta colisão resultaram ainda ferimentos numa outra criança de 13 anos e num homem adulto, condutor do automóvel. Alguma imprensa avança com a informação que as vítimas viajavam em direcção a Portugal vindas de França. O veículo chocou com um camião que transportava pneus que se incendiou e cujo condutor saiu ileso.

Segundo informação difundida pela agência noticiosa Efe, citada pela agência Lusa, as vítimas mortais são dois rapazes e uma menina. Viajavam naquela estrada espanhola, num automóvel monovolume Opel Zafira, conduzido por um homem que sofreu ferimentos, assim como uma outra menor de 13 anos de idade. Os feridos foram transportados ao Complexo Assistencial de Zamora.

O veículo chocou de forma violenta com um pesado de mercadorias carregado de pneus. Na sequência da colisão, o camião incendiou-se tendo as chamas se alastrado a uma zona de mato adjacente à estrada, obrigando à intervenção dos bombeiros locais. Foi gerada uma nuvem de fumo avistada a longa distância. O condutor do pesado saiu ileso do acidente, não tendo necessitado de tratamento hospitalar.

Ainda, segundo a agência Efe, uma das meninas tem nacionalidade francesa e é amiga das crianças portuguesas que viajavam em direcção a Portugal, vindas de França, para passar um período de férias. O acidente aconteceu por cerca das 10:40 horas locais (9:40 horas em Portugal), ao quilómetro 482 da Nacional 122, junto a Cerezal de Aliste, uma pequena povoação na província de Zamora. Uma região conhecida da comunidade emigrante portuguesa quando viaja de regresso ao país de origem para as suas tradicionais férias junto dos familiares.

De acordo com o jornal espanhol El País, as autoridades foram alertadas para a colisão entre um camião e um automóvel, estando o veículo pesado em chamas, advertindo, também, para a existência de pessoas feridas e encarceradas no veículo ligeiro. Os operacionais do 112 comunicaram o acidente à Guardia Civil, tendo accionado os bombeiros de Zamora, bem como uma equipa médica do centro de saúde de Muelas del Pan, com duas ambulâncias de suporte básico de vida e uma unidade móvel de emergência, para além de um helicóptero de socorro. No local, a equipa médica confirmou o óbito das três crianças, ocupantes do automóvel. #Acidente Rodoviário #Emigração