Um trabalhador de uma empresa que operava na construção de um empreendimento turístico próximo da praia do Rei Cortiço, em Óbidos, morreu na passada quinta-feira, 7 de julho, após ter sofrido uma queda de três metros de altura quando se encontrava em cima do camião que ia transportar uma carga de troncos de pinheiro, um dos quais acabou por atingi-lo.

O acidente verificou-se cerca das 15h40, tendo a vítima, Samuel Saragoça Carreira, de 47 anos, motorista de pesados, sido logo socorrida pelos colegas de trabalho. Quando a primeira equipa de emergência pré-hospitalar dos #Bombeiros de Óbidos chegou ao local, o homem estava em paragem cardiorrespiratória, sendo-lhe efetuado suporte básico de vida. A equipa da viatura médica de emergência e reanimação do Centro Hospitalar do Oeste, das Caldas da Rainha, prosseguiu a intervenção com suporte avançado de vida.

“A informação que tivemos foi que a vítima tinha caído do camião e levou com o tronco de pinheiro sobre a região abdominal. Na sequência dos ferimentos viria a falecer”, relatou o comandante dos bombeiros voluntários de Óbidos, Carlos Silva.

A autópsia no Gabinete Médico-Legal do Oeste, em Torres Vedras, irá desvendar as causas da morte – se a queda ocorreu quando estava no camião ou se o tronco de pinheiro que lhe caiu em cima. Técnicos da empresa que operava nos terrenos próximos da falésia do Bom Sucesso, a Autoridade para as Condições do Trabalho e a GNR estiveram no local a investigar o que terá motivado o acidente. Na zona existe um pinhal que estava a ser cortado para poder ser executado um projeto turístico, havendo movimentação de terras, colocação de infraestruturas gerais, obras de paisagismo e construção de um "club house".

Fazia anos no dia do acidente

A tragédia deixou os restantes trabalhadores em choque, tendo recebido apoio de psicólogos do INEM, tal como viria a acontecer com a família da vítima.

O motorista de pesados residia em Porto de Mós e não chegou a celebrar com a família o 47º aniversário, que completava no dia em que sofreu este acidente de trabalho que lhe tirou a vida.