O ex-Presidente da República Mário Soares e o primeiro-ministro Pedro Passos Coelho são amigos. A revelação é feita pelo próprio líder histórico do PS numa entrevista ao jornal Ionline. A feroz oposição política de Soares ao actual governo de coligação liderado por Passos Coelho não impede a manutenção dessa amizade. Esta é uma das revelações mais surpreendentes feitas por Soares nessa entrevista.


Questionado pela entrevistadora, Ana Sá Lopes, sobre se "gostaria de fazer as pazes com alguém", Soares conta o episódio. Estando a almoçar num restaurante, Soares é interpelado por Passos Coelho nos seguintes termos: "venha de lá esse abraço, querido amigo!" Soares quis deixar claro que a questão política se mantém: "amigo, com certeza. Mas sabe que todos os dias digo mal de si nos jornais e em todo o lado." Mas Passos Coelho, de acordo com Soares, assentiu e desvalorizou essa circunstância, tomando-a como normal em política: "e que importância tem isso? O importante é a amizade! Venha de lá o abraço!" Soares conclui esta pequena história recordando que manteve relações muito próximas com Passos Coelho até este se mostrar primeiro-ministro. Amizade que, como se vê, se mantém intacta. 


Ainda a propósito de amizades na política, Soares lembrou que nunca chegou a reconciliar-se com Salgado Zenha, na sequência da famosa cisão política no PS - que veio a originar o PRD - mas que já se reconciliou com Manuel Alegre, depois do afastamento entre quando ambos foram candidatos às eleições presidenciais de 2006. 


Paralelamente, Soares recordou que assinalou este mês 66 anos de casamento com Maria Barroso, sendo que também com ela teve uma desavença política importante. Maria havia sido contra a formação de um partido socialista na Alemanha, fora de Portugal, em 1973, pois estava convencida, como muitos outros, que não haveria mudança de regime em Portugal e que o acto não teria consequências práticas. Soares estava perfeitamente persuadido do inverso - e os acontecimentos vieram dar-lhe razão, e logo no ano seguinte.
#Curiosidades