Na semana passada ocorreu em São Cosme - Gondomar um assalto a uma confeitaria muito conhecida, situada na estrada Dom Miguel. Segundo informações que chegaram até nós e que foram fornecidas pelos próprios donos do estabelecimento, os assaltantes (eles não sabem dizer quantos eram ou sequer como estavam), levaram todo o dinheiro que os proprietários tinham guardado na caixa registadora, e que rondaria os 300 ou 400€.

O que as pessoas desta localidade não sabem é que durante esta mesma semana ocorreram mais assaltos, mas desta vez em casas particulares. Segundo as queixas apresentadas na polícia desta localidade, os assaltantes levavam essencialmente ouro e prata, mas em alguns casos levavam outros bens que pensariam que provavelmente lhes seriam úteis.

Não se sabe quantos são os assaltantes; a única coisa que se sabe é que provavelmente eles são um dito "gangue" e que andam a rondar toda a zona de São Cosme - Gondomar, podendo alcançar também São Pedro da Cova.

Já há cerca de quatro ou cinco meses, também perto à estrada Dom Miguel, foi assaltada a casa de um homem que se ausentou apenas para ir buscar a mulher ao hospital; no espaço de poucas horas, os assaltantes levaram-lhe todo o ouro, todo o dinheiro, remexeram nas gavetas e ainda partiram alguns vidros.

A polícia não sabe explicar como os assaltantes entraram nesta casa, visto que esta estava e ainda está rodeada por arame farpado posto pelo próprio proprietário para prevenir que isto acontecesse. Este caso mais antigo não foi tornado público e parece que maior parte da população desta zona não sabia de nada.

Todos estes casos recentes ocorreram durante a noite, enquanto as pessoas dormiam. Por isso, a população deve ter cuidado com as suas casas e com os bens materiais, pois nunca se sabe quando será a nossa vez de sermos assaltados. Para segurança da população, a polícia aconselha a que cada pessoa tenha cuidado, que não guarde dinheiro ou ouro em casa, e que mantenha sempre tudo fechado para não existir uma hipótese de roubo. É essencial fechar a porta à chave e não deixar janelas abertas.