A MSC Portugal inaugurou no dia 22 de outubro o novo edifício em Matosinhos onde estão agora concentrados 80 trabalhadores da empresa, que operam no Porto do Leixões. Os novos escritórios da empresa representam um investimento de 3,5 milhões de euros. Em comunicado enviado à Blasting News, Elvio Bourquin, administrador da MSC Portugal, refere que “os novos escritórios de Matosinhos respondem às necessidades criadas pelo crescimento sustentado da empresa em Portugal”. O novo edifício possui ainda espaço para mais 80 pessoas, meta que a empresa quer atingir durante o próximo ano.

Na cerimónia de inauguração dos novos escritórios, a empresa fez questão de salientar a colaboração da Câmara Municipal de Matosinhos no licenciamento da obra: “Matosinhos é um pólo de desenvolvimento relevante no negócio da MSC”, destacou Carlos Vasconcelos, membro da administração da MSC. Neste momento, a empresa é responsável por 225 postos de trabalho em Portugal, num crescimento sustentado que acompanha o desenvolvimento dos #Negócios a nível nacional. No ano passado a MSC contratou 57 trabalhadores; já este ano foram mais 33. As novas instalações de Matosinhos estão preparadas para receberem mais 80, duplicando a atual capacidade.

A multinacional com sede na Suíça opera em Portugal nos portos marítimos de Leixões e Sines. A empresa não trabalha só no transporte marítimo de mercadorias e está também presente nos portos secos da Bobadela, Entroncamento e Mérida. A entidade está a apostar fortemente no mercado português, como ficou comprovado depois de, em julho deste ano, ter comprado a CP Carga, um investimento que rondou os 53,5 milhões de euros. Com esta aposta a MSC pretende ser líder do transporte de mercadorias na Península Ibérica. A multinacional constituída em 1991 lidera, desde 2006, em Portugal, o ranking nacional por volume de contentores transportados. O último reforço no norte do país com as novas instalações em Matosinhos reflete o investimento e a aposta da empresa em Portugal. #Recrutamento