Um adolescente de 16 anos está desaparecido desde o início da tarde de terça-feira, 8 de Fevereiro. Hugo Oliveira foi visto pela última vez a embarcar no autocarro com destino a casa, mas tal não aconteceu. Os amigos mais próximos apontam como presumível causa do desaparecimento desentendimentos do jovem com a namorada. O caso foi comunicado às autoridades policiais que estão a efectuar diligências no sentido de localizar o rapaz.

Não há certezas sobre os motivos que poderão estar na origem do #Desaparecimento de Hugo Oliveira, um jovem de 16 anos, residente em Gueifães, uma freguesia do concelho da Maia, distrito do Porto. Sabe-se que o adolescente, aluno da Escola Secundária da Maia, faltou às aulas na tarde da passada terça-feira, 8 de Fevereiro. O rapaz foi visto pela última vez por cerca da hora do almoço a embarcar no autocarro que habitualmente apanha para regressar a casa, mas não voltou para junto da família.

Paulo Oliveira, pai do rapaz, participou o desaparecimento por cerca das 20:30 horas do mesmo dia na Esquadra da Polícia de Segurança Pública (PSP) da Maia, para além de ter contactado as unidades hospitalares no sentido de saber se o filho tinha dado ali entrada. O jovem nunca atendeu as chamadas telefónicas que lhe foram realizadas, embora a respectiva operadora telefónica tenha informado o progenitor que o telemóvel do filho teve os dados móveis ligados por cerca das 19 horas, tendo depois ficado incontactável.

Entretanto, segundo revela o Jornal de Notícias, os amigos de Hugo Oliveira transmitiram aos familiares que, presumivelmente, o seu desaparecimento poderá estar relacionado com desentendimentos com a namorada. Por sua vez, o Correio da Manhã relata que o adolescente terá dito aos colegas de escola que não se estava a sentir bem, pelo que iria faltar às aulas da tarde e ia para casa.

Estranhando o sucedido com o seu filho, Paulo Oliveira tem, desde então, desdobrado em apelos e divulgações no sentido de saber do seu paradeiro. Segundo os familiares, o jovem estudante vestia uma calça de ganga clara, camisola preta e um casaco cinzento. Vestia umas sapatilhas da marca Adidas, brancas e pretas, e tinha na sua posse a mochila da escola.