Quando falamos em abelhas, logo nos lembramos do mel que produzem. Devido aos seus comprovados efeitos na manutenção da saúde, o consumo de mel faz parte dos hábitos de muitas pessoas. Mas as abelhas produzem outros produtos, também eles com elevados benefícios para a saúde: a geleia real, o pólen e o própolis. Vale a pena ficar a conhecer o que os produtos da colmeia têm para oferecer.

O mel, uma fonte de saúde

O mel obtém-se a partir do néctar das flores, que as abelhas transformam e combinam com matérias específicas. Pode ser fluído, espesso ou cristalino, sendo depois armazenado, pelas abelhas, nos favos das colmeias. O mel contém ferro, cobre, magnésio, sílica, sódio, fósforo, alumínio, cloreto de cálcio, potássio e manganésio, sendo também muito rico em vitamina C. Dependendo dos solos onde crescem as plantas, o teor de minerais no mel é variável. O fenómeno de cristalização que, às vezes, acontece no mel é consequência da baixa de temperatura, mas, apesar deste fenómeno, o mel inalteradas todas as suas propriedades.

Benefícios do mel para a saúde

São várias as propriedades e benefícios: aumenta a taxa de hemoglobina no sangue, é antipirético, aumenta a taxa de assimilação de outros alimentos administrados em conjunto, estimula o apetite, tem acção diurética e anti-microbiana, ajuda na retenção do cálcio e magnésio, tem uma acção positiva no tratamento de infecções intestinais e da boca, e no tratamento das vias respiratórias.

O pólen

O pólen é um alimento vital, rico em proteínas e aminoácidos, muito concentrado e com baixo teor de humidade, conservando as suas propriedades durante um longo período de tempo. A sua acção no organismo traduz-se num aumento do apetite e na normalização das funções intestinais. Também evita infecções, trata a prisão de ventre, tem uma acção antibiótica evitando a proliferação de germes malignos no intestino e salvaguardando a flora intestinal normal, aumenta os glóbulos vermelhos e a hemoglobina. Muito útil nas funções intelectuais, diminui estados de irritabilidade e pequenos distúrbios nervosos. É também muito indicado para hipertrofia da próstata. O pólen não tem qualquer contra-indicação e recomenda-se a sua toma durante dois meses, seguida de um mês de descanso, voltando novamente a ser consumido para conservar a saúde, o vigor e o dinamismo.

A geleia real

A geleia real é considerada um super alimento de grande valor biológico, pois é extremamente rica em ferro, ouro, cálcio, cobalto, magnésio, zinco, níquel, prata, enxofre, cromo e silício. É produzia pelas glândulas hipofaríngeas das abelhas jovens (com 3 a 12 dias de vida), para alimentação da sua criação nos três primeiros dias de vida. É o alimento exclusivo da abelha rainha durante toda a sua vida.

Indicações da geleia real

A geleia real ajuda na diminuição do colesterol, anemia, asma, artrites reumáticas, espasmos do estômago, úlceras gástricas, renovação das células da pele e tonificação dos tecidos, longevidade, memória, e estados de esgotamento físico e psíquico. É aconselhável tomar 1 grama diária, durante 40 dias, em jejum, colocando na colher e pondo debaixo da língua.

O própolis

O própolis resulta da colheita das abelhas, em substâncias resinosas, a que se acrescentam secreções glandulares. Tem grandes propriedades anestésicas, bactericidas e hemostáticas, sendo um cicatrizante muito eficaz. Actua positivamente na arteriosclerose, insuficiências cérebro-vasculares, infecções dos rins e bexiga, gastrites, abcessos, aftas, anemias e problemas da pele.