A autarquia de Sesimbra abre ao público nesta sexta-feira um Balcão Único de Serviços, que tem como objetivo oferecer um atendimento centralizado a todos os munícipes desta cidade. Este serviço, que irá agrupar na mesma zona espacial inúmeras valências, permite que os munícipes possam tratar de diversos assuntos, evitando a necessidade de se deslocarem e de se dispersarem entre outros serviços, por vezes localizados em pontos bastante remotos.

A abertura deste balcão traz mais algumas vantagens, incluindo um horário bastante alargado, que permite aos seus beneficiários um atendimento entre as 8 horas e as 19 horas de cada dia útil. A autarquia sesimbrense acredita que um horário amplo facilita a utilização deste serviço, tanto em períodos pré-laborais, como em períodos pós-laborais.

O Balcão Único de Sesimbra, situado nos Paços do Concelho, oferece assim a possibilidade de resolver questões relacionadas com serviços urbanos, obras municipais, ensino, comércio local, toponímia ou atendimento geral. Importa ainda referir que este serviço apresenta uma imagem relacionada com o mar, tentando criar um espaço mais confortável e aliciante, criando em paralelo uma ligação ao concelho que apresenta uma forte tradição marítima.

No futuro, a Câmara Municipal de Sesimbra pretende ainda ampliar este projeto e envolver todo o concelho através da abertura de mais dois balcões únicos, situados nas freguesias do Castelo e da Quinta do Conde.

No que diz respeito a obras, os munícipes podem tratar de assuntos relacionados com reparações, trânsito e estacionamento, a iluminação pública e os ascensores. A toponímia trata de assuntos como a atribuição de números de polícia, a solicitação de certidões, a atribuição de topónimo e a certificação de caminhos públicos. A área da educação envolverá todos os assuntos relacionados com os transportes escolares, o prolongamento de horário e as senhas de refeição. Já os serviços urbanos acolhem o desenvolvimento da limpeza urbana, do pagamento da água, da recolha de monos, dos sacos de entulhos, da rutura de condutas, dos pedidos de reparação e dos cemitérios. Ao nível do urbanismo, está presente o SIR - Sistema da Indústria Responsável, o alojamento local, a instalação ou modificação de estabelecimentos comerciais e os pedidos de certidão.

Finalmente, o comércio local reúne os licenciamentos relativos a estabelecimentos comerciais, a mercados e a feiras, bem como a venda ambulante, enquanto a área da juventude envolverá o Dia da Defesa Nacional. Encontram-se ainda presentes neste Balcão Único os serviços de atendimento geral e de informações.