O último sábado deste mês de Agosto ficou marcado pela tragédia na Quinta do Conde. Uma desavença antiga por causa de um animal doméstico ditou a morte de três pessoas, dois agentes de autoridade e o filho de um deles. O alegado homicida, que tentou o suicídio, continua internado, mas em estado estável. Segundo as últimas informações, o autor dos disparos será avô de Liliana Antunes, que participou na edição número cinco da Casa dos Segredos.

Um militar da GNR de 25 anos, um elemento da PSP de 52, e o seu filho de 23 anos, morreram ao final da tarde do último sábado na sequência de um tiroteio ocorrido na Quinta do Conde, Sesimbra. Na origem deste incidente terá estado uma discussão entre vizinhos por causa de um cão. O alegado homicida, identificado como Rogério Coelho, antigo construtor civil e agora reformado, é um septuagenário que tentou provocar ainda a sua morte. Foi levado para o hospital onde continua internado, apesar de estar estável.

De acordo com o Jornal de Notícias, que se baseia na informação recolhida junto dos vizinhos, este septuagenário era “um homem quezilento, dono de um cão de pequeno porte, e costumava implicar com o dos vizinhos, que era de raça rottweiler". Adiantam também que o autor dos disparos já tinha ameaçado o vizinho de “que o matava a ele e à família se o cão não deixasse de fazer barulho”, acrescenta a publicação.

Em declarações ao Correio da Manhã Liliana Antunes defende o avô, dizendo que “ele é como um pai para mim e quero que as pessoas saibam que ele não é o monstro que estão a fazer dele”. Adianta ainda que o avô não terá cometido este #Crime apenas por causa de uma guerrilha de cães. Assegura que Rogério Coelho, durante muitos anos “foi alvo de ameaças dos vizinhos e há pouco tempo foi espancado. Deram-lhe uma carga de porrada e ele teve de ser internado no hospital”.

Ao que se conseguiu apurar, o militar da GNR teve morte imediata no local, seguindo-se o agente da PSP, que era também motorista do gabinete do Primeiro-ministro. Apesar de não estar de serviço, acorreu ao local quando ouviu os disparos. Já o filho deste foi transportado ainda com vida até ao hospital, acabando por falecer já ao início da noite. #Polícia