A Câmara Municipal de Santarém, liderada por Ricardo Gonçalves Ribeiro Gonçalves, está interessada em contratar quinze novos quadros que irão desempenhar funções nos Bombeiros Municipais de Santarém e nos quadros desta autarquia ribatejana, argumentando que existe a necessidade de integrar novos recursos humanos nessas áreas. Segundo os recursos humanos municipais, em causa está a contratação de dez técnicos superiores e cinco bombeiros de 3ª classe, lugares contemplados no mapa de pessoal para 2015. Para além dos cinco lugares disponibilizados para cinco bombeiros municipais, a Câmara Municipal de Santarém pretende contratar quatro técnicos superiores distribuídos pelas áreas de psicologia clínica, psicologia educacional, animação cultural e educação comunitária, turismo, comunicação e informática.

O Blasting News sabe que esta pretensão vai a apreciação e votação da assembleia municipal no próximo dia 27 de Fevereiro. Os destinatários do concurso serão todos os candidatos que não tenham relação jurídica profissional ou vínculo laboral com o sector público.

Para além das cinco vagas criadas para reforço do corpo ativo dos Bombeiros Municipais de Santarém, a autarquia pretende contratar 4 técnicos superiores na área de produção e espetáculos e ainda um técnico superior para cada uma das seguintes áreas: psicologia clínica, psicologia educacional, animação cultural e educação comunitária, turismo, comunicação e informática.

Emprego online

Segundo o site da autarquia, em complemento da política de atração de investimento para o concelho, o município disponibiliza uma Bolsa de Emprego através da sua página na internet, com o objetivo de potenciar a proximidade entre procura e oferta.

Para tal foi necessário implementar parcerias estratégicas que se concretizaram em protocolos entre o Município de Santarém e as várias Entidades Locais de relevo, nas área de Ensino e Formação Profissional e no Sector Empresarial, os principais Órgãos de Comunicação Social e todas as empresas que possam vir a instalar-se neste concelho "Capital do Ribatejo".