"Uma imagem vale mais que mil palavras". É um cliché, mas é um cliché que encaixa perfeitamente nesta selecção fotográfica. Todos estes momentos surgem da vontade da mãe e fotógrafa que quis registar a ousadia, força e beleza das suas duas filhas, uma com seis anos e outra com nove, enquanto estas vão crescendo, conhecendo e experimentando o mundo que as rodeia. Estas duas meninas não ocupam a sua infância com aquilo que é expectável, como mini desfiles de roupa, castelos encantados, bonecas louras e princesas de vestidos até aos pés.

Nesta colecção de fotografia, Kate Parker mostra as suas filhas a brincar com aquilo que mais gostam, ou seja, brincar na rua, a sujarem-se sem medos na lama, a jogar futebol, a passar tardes a molharem-se com o seu cão no jardim ou a fazerem longos passeios de bicicleta por ruas estreitas e intermináveis. A mãe, ex-atleta e fotógrafa, explicou à revista norte-americana Cosmopolitan que apesar de existir uma pressão social para padronizar as atitudes femininas, especialmente na infância, ela quer as suas filhas "saibam que quem elas são naturalmente é suficiente". Esta é a lição que as fotografias registam.

"Strong is The New Pretty"

A mãe destas duas meninas acredita que a feminidade passa por muitos elementos e por isso baptizou esta coleção fotográfica de "Strong is The New Pretty", isto é "O forte é o novo belo". Kate Parker não tinha como objectivo inicial criar nenhum género de projecto fotográfico com os momentos mágicos que as suas filhas iam vivendo. Fotografava-as com naturalidade e ia registando as actividades que lhes preenchiam o quotidiano. Mas quando começou a analisar as imagens que fazia com as suas filhas, Kate encontrou "um padrão" nas aventuras delas e decidiu compilar estas imagens para celebrar a energia da infância.

Os estereótipos estão cada vez mais desfasados da realidade e Kate Parker está decidida a prová-lo com esta apresentação fotográfica. Kate acredita que esta recordação que está presa em cada fotografia irá também servir no futuro para relembrar as suas filhas da força que têm e sempre tiveram.