O Papa Francisco terá transmitido ao Bispo de Leiria-Fátima, D. António Marto, em audiência privada realizada nesta manhã de 25 de Abril, a intenção clara e expressa de em 2017 viajar até Portugal. É isto que se pode ler em texto publicado no site da Diocese de Leiria-Fátima, onde se escreve que o Papa terá, quando questionado sobre tal possibilidade, afirmado que "se Deus lhe der vida e saúde" fará questão de estar presente na celebração do centenário das Aparições de Nossa Senhora de Fátima. Esta foi a primeira vez que o Papa Francisco falou sobre a sua possível visita a Portugal, depois de ter recebido já inúmeros convites, quer feitos por membros do clero português,quer pelo Presidente da República Portuguesa. O Papa autorizou ainda o Bispo de Leiria-Fátima a divulgar publicamente essa sua intenção, transmitida ao primeiro bispo português a ter a oportunidade de se reunir em audiência privada com o Papa Francisco.

Para além da confirmação da intenção do Papa vir em 2017 a Fátima, durante a audiência com D. António Marto o Papa Francisco recebeu uma oferta monetária fruto das doações realizadas ao Santuário de Fátima. O líder máximo da igreja católica, após a reunião com o bispo português, em que teve oportunidade discutir temas sobre a nova evangelização, enviou ainda uma bênção especial para Portugal. A propósito da deslocação a Roma do Bispo de Leiria-Fátima foi abordada a colaboração entre os santuários de Fátima e da Aparecida, no Brasil.

A confirmar-se em 2017 a deslocação do Sumo Pontífice a Fátima será, depois de Paulo VI em 1967, de João Paulo II em 1982, 1991 e 2000 e de Bento XVI em 2010, o 4º Papa da história da Igreja Católica a visitar o santuário construído no local onde terá aparecido a Virgem Maria aos três pastorinhos. Em aberto estará ainda a possibilidade do Papa Francisco, para além de marcar presença na celebração do centenário das Aparições de Fátima, realizar uma visita similar à que fez o Papa Bento XVI, aquando da sua passagem por Portugal, onde celebrou missas em Lisboa, Fátima e Porto. #Religião