A polémica nasceu em volta de #Filmes e #Séries sobre vampiros depois do alerta dado por uma das maiores autoridades em possessão demoníaca do Vaticano - Giuseppe Ferrari. O especialista referiu que o crescente sucesso de filmes como o "Crepúsculo" e séries de vampiros são os principais responsáveis pela busca do oculto de muitos jovens em todo o mundo. O professor fez este alerta durante um curso sobre exorcismo em Roma.

Giuseppe Ferrari, o líder do Grupo de Pesquisa e Informação Sócio-Religiosa e uma das autoridades de Roma no que concerne a assuntos de possessão demoníaca, alertou para o fato de que séries e filmes sobre vampiros são um incentivo para comportamentos considerados satânicos.

Este alerta feito pelo professor aconteceu durante um curso sobre exorcismo apoiado pelo Vaticano. O que está em causa são filmes como o Crepúsculo e séries que estão em "voga" e fazem já parte da cultura pop e do dia-a-dia de muitos jovens e pré-adolescentes. De acordo com o especialista, muitos grupos são atraídos pela beleza dos vampiros que geram uma onda de jovens em busca das forças ocultas.

De acordo com palavras do professor, perante a audiência e citadas pelo jornal The Independent: "Há quem tente transformar as pessoas em vampiros e fazê-las beber o sangue de outras pessoas, ou incentivá-las a ter relações sexuais especiais para obter poderes especiais".

Este recente alerta veio reforçar anteriores declarações feitas pelo Dr. Valter Cascioli, um psiquiatra e porta-voz da Associação Internacional de Exorcistas, que referiu existir um aumento muito significativo da atividade considerada demoníaca. Este psiquiatra referiu à data que a situação era muito preocupante porque "o número de pessoas que estão a aderir a estas práticas, que prejudicam psicológica, espiritual e moralmente o indivíduo, está em constante crescimento".

Estes alertas nascem num momento em que as sociedades em todo o mundo estão cada vez mais marcadas pela crescente superficialidade, egocentrismo e egoísmo, pelo que a batalha contra o mal é uma situação emergente e importante. #Religião