A tradicional devoção Mariana tem no Arciprestado de Esposende um dos pontos altos que se traduz na Peregrinação Arciprestal ao Alto do Monte da Sr.ª da Guia, em Belinho, que  decorreu dia 17 de Maio. O santuário da Srª da Guia, invocação Mariana já bastante antiga na Freguesia em Belinho, foi sendo renovado e ampliado pela comunidade local, sob o dinamismo do falecido Padre José Manuel Leal, que em 2002 em conjunto com as outras paróquias, realizou a primeira peregrinação arciprestal ao Santuário. Inicialmente organizada pela paróquia anfitriã, Belinho, convencionou-se que esta organização seria feita pelas paróquias de forma rotativa, sendo que imagem peregrina da Srª da Guia visitaria as mesmas na primeira semana de Maio.

Depois de Curvos e Palmeira em 2011, seguido de Vila Chã e Esposende em 2012, Apúlia e Rio Tinto, em 2013, Fonte Boa e Fão em 2014, em 2015 foi a vez da freguesia de Gemeses e de Gandra organizarem a peregrinação. No primeiro Domingo de Maio, carros adornados de giestas foram buscar a Imagem ao alto do Monte e entregaram-na à igreja paroquial da freguesia de Gemeses. Durante uma semana a Imagem repartiu-se entre as paróquias de Gemeses e de Gandra que, tendo fronteira comum, são paroquiadas pelo Padre António Lima.

No passado dia 10 as duas paróquias organizadoras entregaram à imagem à paróquia de Belinho, sendo que no passado sábado dia 16 de Maio decorreu uma procissão de velas. Na manhã do dia 17 de Maio, decorreu a peregrinação Arciprestal, com a caminhada de oração desde a Igreja de Belinho até ao alto do Monte da Srª da Guia onde foi celebrada a Eucaristia. A Eucaristia foi presidida pelo arcebispo de Braga D. Jorge Ortiga, que, sob um sol abrasador, procurou motivar os fiéis do arciprestado para dois temas essenciais e um acontecimento que a Diocese irá vivenciar nos próximos dias.

Um olhar mais atento para a Família, o que ela representa e o seu papel na Igreja, no dia Arquidiocesano da Família comemorado em toda a Arquidiocese de Braga, a missão de cada um procurar em suas actividades não só o seu bem-estar mas também o bem comum, de modo a ser uma mais-valia para outro, foram as tónicas fundamentais da homilia de D. Jorge Ortiga. O Acontecimento para que chamou atenção foi a visita no próximo dia 13 de Junho da imagem da Virgem Peregrina de Fátima ao Arciprestado de Esposende, incitando os fiéis congregarem e formarem uma verdadeira moldura humana para receber a «Senhora vestida de Branco». #Religião

Foi a 14ª peregrinação Arciprestal à Senhora da Guia, debaixo de um sol abrasador que não impediu que numerosos, fiéis vindos das 15 paróquias do Arciprestado de Esposende se congregassem no recinto do Santuário Mariano de Belinho. As cerimónias terminaram com a adoração e a bênção do Santíssimo Sacramento, o anúncio da Paróquia das Marinhas como organizadora da peregrinação de 2015 e a procissão do adeus e recolha da Imagem à sua Capela.