Foi o Hospital de S. Sebastião, em Santa Maria da Feira, quem acolheu os onze alunos: quatro rapazes e sete raparigas. Os menores estudam na Escola Básica Integrada de São Vicente de Pereira Jusã, em Ovar, e têm idades entre os 12 e os 17 anos. Uma brincadeira com um dos extintores da Escola espalhou o pânico, ao fim da manhã de ontem, 21 de Maio. Os #Bombeiros de Ovar receberam o alerta pelas 10h30, depios de um grupo de alunos, não se sabe com que intenção, ter feito cair um extintor da escola que, ao embater no chão, libertou todo o pó que estava no interior.

Ao inalar a substância, vários alunos queixaram-se de irritação na garganta e tiveram que ser levados para o hospital mais próximo. Três tiveram alta imediata, os outros continuaram na Unidade de Pediatria sob vigilância. Nenhum deles corre perigo mas, os que estavam mais perto do extintor apresentaram dificuldades respiratórias e tiveram que ficar a receber oxigénio. 

A colocação de extintores nas escolas já há muito que é um assunto que gera polémica, pelo perigo que representa para os menores. Este não é o primeiro acidente do género em escolas, embora nenhum tenha feito vítimas mortais. Os alunos com dificuldades respiratórias, como asma ou bronquite, são aqueles que mais preocupam a comunidade médica, uma vez que a inalação dos componentes do extintor pode originar perda de sentidos e o bloqueio as vias aéreas. 

Os componentes do extintor já foram alterados ao longo do tempo, mas ainda não existe nenhum fórmula capaz de não ser nociva para a saúde humana. A comunidade escolar encontrou uma outra solução: colocar os extintores dentro de caixas com um vidro protector, de forma a ser quebrado apenas em situações de emergência. Mesmo assim, há escolas que não adoptaram este sistema e os extintores continuam à mercê de quem passa. O rápido socorro é essencial para não colocar em risco a saúde dos alunos, bem como a total evacuação do local. A limpeza deve ser feita com muita cautela para não levantar o pó e o local deve ficar isolado, pelo menos, 24 horas.   #Educação